Do poder da sepultura

Lições da Bíblia1

2. Leia o Salmo 49. O que levou o salmista a ter tanta certeza de sua ressurreição final (Sl 49:15) em contraste com os que pereceram sem essa certeza (Sl 49:6-14)?

Salmo 49 (ARA)2: 1 Povos todos, escutai isto; dai ouvidos, moradores todos da terra, 2 tanto plebeus como os de fina estirpe, todos juntamente, ricos e pobres. 3 Os meus lábios falarão sabedoria, e o meu coração terá pensamentos judiciosos. 4 Inclinarei os ouvidos a uma parábola, decifrarei o meu enigma ao som da harpa. 5 Por que hei de eu temer nos dias da tribulação, quando me salteia a iniquidade dos que me perseguem, dos que confiam nos seus bens e na sua muita riqueza se gloriam? 7 Ao irmão, verdadeiramente, ninguém o pode remir, nem pagar por ele a Deus o seu resgate(Pois a redenção da alma deles é caríssima, e cessará a tentativa para sempre.), para que continue a viver perpetuamente e não veja a cova; 10 porquanto vê-se morrerem os sábios e perecerem tanto o estulto como o inepto, os quais deixam a outros as suas riquezas. 11 O seu pensamento íntimo é que as suas casas serão perpétuas e, as suas moradas, para todas as gerações; chegam a dar seu próprio nome às suas terras. 12 Todavia, o homem não permanece em sua ostentação; é, antes, como os animais, que perecem. 13 Tal proceder é estultícia deles; assim mesmo os seus seguidores aplaudem o que eles dizem. 14 Como ovelhas são postos na sepultura; a morte é o seu pastor; eles descem diretamente para a cova, onde a sua formosura se consome; a sepultura é o lugar em que habitam. 15 Mas Deus remirá a minha alma do poder da morte, pois ele me tomará para si. 16 Não temas, quando alguém se enriquecer, quando avultar a glória de sua casa; 17 pois, em morrendo, nada levará consigo, a sua glória não o acompanhará. 18 Ainda que durante a vida ele se tenha lisonjeado, e ainda que o louvem quando faz o bem a si mesmo, 19 irá ter com a geração de seus pais, os quais já não verão a luz. 20 O homem, revestido de honrarias, mas sem entendimento, é, antes, como os animais, que perecem.”

O Salmo 49 fala sobre a falsa confiança dos tolos “que confiam nos seus bens e se gloriam na sua muita riqueza” (Sl 49:6), que “chegam a dar o seu próprio nome às suas terras” (Sl 49:11) e que vivem apenas para fazer o bem a si mesmos (Sl 49:18). Agem como se suas casas e sua própria glória durassem para sempre (Sl 49:11, 17).

Mas os tolos se esquecem de que sua honra desaparece e que eles perecem assim como os animais (Sl 49:12). “Como ovelhas, estão destinados à sepultura, e a morte lhes servirá de pastor. […] A aparência deles se desfará na sepultura, longe das suas gloriosas mansões” (Sl 49:14, NVI).

Conforme declarou Jó séculos antes: “Nu saí do ventre de minha mãe e nu voltarei” (Jó 1:21; 1Tm 6:7). O salmista aponta que tanto o tolo quanto o sábio morrem, deixando “as suas riquezas para os outros” (Sl 49:10).

Mas há um contraste radical entre eles. De um lado estão os tolos que perecem, embora tentem encontrar segurança em suas próprias posses e realizações transitórias. Por outro lado, os sábios contemplam além da saga humana e da prisão da sepultura, a gloriosa recompensa que Deus tem reservado para eles (1Pe 1:4). Com essa percepção em mente, o salmista pôde dizer com confiança: “Mas Deus remirá a minha alma do poder da morte, pois Ele me tomará para Si” (Sl 49:15).

Compatível com a esperança do AT, essa declaração não sugere que no momento de sua morte a alma do salmista voaria imediatamente para o Céu. O salmista estava dizendo simplesmente que não permanecerá para sempre na sepultura, pois chegará o tempo em que Deus irá redimi-lo da morte e levá-lo às cortes celestiais.

Mais uma vez, a certeza da ressurreição futura é retratada, trazendo esperança, segurança e significado à existência presente. Portanto, os sábios receberão uma recompensa eterna mais gloriosa do que os tolos seriam capazes de reunir nesta vida curta.

De que maneira você tem percebido a tolice de confiar nas riquezas e realizações humanas? Manter os olhos na cruz pode nos proteger de cair nesse erro?

Segunda-feira, 17 de outubro de 2022. Saiba mais, faça gratuitamente um Curso Bíblico

_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Vida, morte e eternidade. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 510, out. nov. dez. 2022. Adulto, Professor. 
2 BÍBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s