Adão e Jesus – Estudo adicional

Lições da Bíblia

Assista em vídeo a discussão do tema da semana.

Estudo adicional

“Leia, de Ellen G. White, ‘Auxílio na Vida Diária’, p. 470-472, em A Ciência do Bom Viver; ‘Cristo, o Centro da Mensagem’, p. 383, 384, em Mensagens Escolhidas, v. 1; ‘A Tentação e a Queda’, p. 60-62, em Patriarcas e Profetas; Evangelismo, p. 577, sobre o estudo das profecias e a salvação; ‘Justification’, p. 712-714, em The Seventh-day Adventist Encyclopedia; ‘Componentes da Salvação’, p. 313-325, no Tratado de Teologia Adventista do Sétimo Dia.”1

“‘Muitos se enganam acerca do estado de seu coração. Não entendem que o coração natural é enganoso mais que todas as coisas, e desesperadamente perverso. Envolvem-se em sua própria justiça e se satisfazem em alcançar sua norma humana de caráter’ (Ellen G. White, Mensagens Escolhidas, v. 1, p. 320).”1

“‘Há grande necessidade de que Cristo seja pregado como única esperança e salvação. Quando a doutrina da justificação pela fé foi apresentada […], ela foi para muitos como água ao viajante cansado. O pensamento de que a justiça de Cristo nos é imputada, não por causa de qualquer mérito de nossa parte, mas como dom gratuito de Deus, parecia um pensamento precioso’ (Ellen G. White, Mensagens Escolhidas, v. 1, p. 360).”1

“‘De que maneira Adão prefigurava Cristo (Rm 5:14)? Assim como Adão se tornou causa de morte para seus descendentes, embora eles não tivessem comido da árvore proibida, também Cristo se tornou um Distribuidor de justiça àqueles que são dEle, embora eles não tenham merecido nenhuma justiça; porque mediante a cruz Ele assegurou (justiça) para todos os homens. A figura da transgressão de Adão está em nós, pois morremos como se tivéssemos pecado como ele. A figura de Cristo está em nós, pois vivemos como se tivéssemos cumprido toda a justiça como Ele o fez’ (Martinho Lutero, Commentary on Romans [Comentário Sobre Romanos], p. 96, 97).”1

Perguntas para discussão

“1. Escritores e filósofos lamentaram a completa insignificância da vida, porque ela termina na morte eterna. O que responder a eles? Por que a esperança em Jesus é a única resposta para a falta de sentido da vida?”1

“2. A queda de Adão impôs uma natureza caída a todos nós, mas a vitória de Jesus ofereceu a promessa de vida eterna pela fé. O que impede as pessoas de receber essa bênção divina? Como podemos ajudar os que buscam entender essa oferta de Cristo?”1

Sexta-feira 10 de novembro de 2017. Saiba mais, ouça o Comentário em áudio  da Lição da Escola Sabatina (LES) ou se preferir faça um Curso Bíblico.
_______________
1 LIÇÃO da escola sabatina. Salvação somente pela fé: o livro de Romanos. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 490, Out. Nov. Dez. 2017. Adulto, Professor.

Jesus, o segundo Adão

Lições da Bíblia

“8. Leia Romanos 5:18, 19. Qual é o contraste apresentado nessa passagem? Que esperança nos é oferecida em Cristo?”1

Romanos (5:18, 19 ARA)2: “18 Pois assim como, por uma só ofensa, veio o juízo sobre todos os homens para condenação, assim também, por um só ato de justiça, veio a graça sobre todos os homens para a justificação que dá vida. 19 Porque, como, pela desobediência de um só homem, muitos se tornaram pecadores, assim também, por meio da obediência de um só, muitos se tornarão justos.

“Como seres humanos, não recebemos nada de Adão, senão a sentença de morte. Cristo, no entanto, interveio e venceu onde Adão caiu, suportando todas provas em favor dos seres humanos. Ele redimiu o vergonhoso fracasso e queda de Adão e, portanto, como nosso Substituto, colocou-nos em vantagem para com Deus. Por isso, Jesus é o ‘segundo Adão’.”1

“‘O segundo Adão era um agente moral livre, considerado responsável por Sua conduta. Cercado por influências intensamente sutis e enganosas, Ele estava em posição muito menos favorável do que o primeiro Adão para ter uma vida sem pecado. Contudo, em meio aos pecadores, resistiu a toda tentação para pecar e conservou Sua inocência. Sempre foi sem pecado’ (Comentários de Ellen G. White, em Comentário Bíblico Adventista do Sétimo Dia, v. 6, p. 1195).”1

“9. De que maneira as ações de Adão e Cristo foram contrastadas em Romanos 5:15-19?”1

Romanos (5:15-19 ARA)2: “15 Todavia, não é assim o dom gratuito como a ofensa; porque, se, pela ofensa de um só, morreram muitos, muito mais a graça de Deus e o dom pela graça de um só homem, Jesus Cristo, foram abundantes sobre muitos. 16 O dom, entretanto, não é como no caso em que somente um pecou; porque o julgamento derivou de uma só ofensa, para a condenação; mas a graça transcorre de muitas ofensas, para a justificação. 17 Se, pela ofensa de um e por meio de um só, reinou a morte, muito mais os que recebem a abundância da graça e o dom da justiça reinarão em vida por meio de um só, a saber, Jesus Cristo. 18 Pois assim como, por uma só ofensa, veio o juízo sobre todos os homens para condenação, assim também, por um só ato de justiça, veio a graça sobre todos os homens para a justificação que dá vida. 19 Porque, como, pela desobediência de um só homem, muitos se tornaram pecadores, assim também, por meio da obediência de um só, muitos se tornarão justos.

“Observe as ideias opostas ali: morte, vida; desobediência, obediência; condenação, justificação; pecado, justiça. Jesus veio e desfez tudo que Adão tinha feito!”1

“É igualmente impressionante o fato de que a palavra ‘dom’ ocorre cinco vezes em Romanos 5:15-17. Cinco vezes! A ideia é simples: Paulo estava enfatizando que a justificação não é obtida; ela vem como um presente. É algo que não merecemos. Como todos os presentes, temos que estender a mão e aceitá-lo. Nesse caso, reivindicamos o presente pela fé.”1

“Qual foi o melhor presente que você recebeu? Por que ele foi tão especial? O fato de ter sido um presente, e não algo que você conquistou, fez você apreciá-lo mais? No entanto, esse presente não se compara ao que temos em Jesus.”1

Nos pequenos grupos, nas classes bíblicas, nas classes da Escola Sabatina e em outros ministérios existem amigos que podem ser convidados para assistir à semana de evangelismo de colheita, que ocorrerá de 19 a 26 de novembro. Já escolheu um amigo para convidar?

Quinta-feira 09 de novembro de 2017. Saiba mais, ouça o Comentário em áudio  da Lição da Escola Sabatina (LES) ou se preferir faça um Curso Bíblico.
_______________
1 LIÇÃO da escola sabatina. Salvação somente pela fé: o livro de Romanos. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 490, Out. Nov. Dez. 2017. Adulto, Professor.
2 BIBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Adão e Jesus

Lições da Bíblia

Justificados, pois, mediante a fé, temos paz com Deus por meio de nosso Senhor Jesus Cristo; por intermédio de quem obtivemos igualmente acesso, pela fé, a esta graça na qual estamos firmes; e gloriamo-nos na esperança da glória de Deus” (Rm 5:1, 2).1

“Paulo demonstrou o argumento de que a justificação, ou a aceitação de Deus, só vem pela fé em Jesus Cristo, pois somente Sua justiça é suficiente para nos dar a aprovação do nosso Senhor. Com base nessa verdade poderosa, Paulo passou a explanar mais sobre esse tema. Demonstrando que a salvação tem que ser pela fé e não por obras, nem mesmo para alguém ‘justo’ como Abraão, Paulo voltou seu olhar para o panorama completo; isto é, o que causou o pecado, o sofrimento e a morte, e como a solução se encontra em Cristo e no que Ele fez pela humanidade.”1

“Pela queda de um homem, Adão, toda a humanidade enfrentou condenação, alienação e morte; pela vitória de um só homem, Jesus, todo o mundo foi trazido a uma nova condição diante de Deus. Mediante a fé em Jesus, o registro dos nossos pecados e, consequentemente, o castigo devido a eles, puderam ser remidos e perdoados para sempre.”1

“Paulo contrastou Adão e Jesus, mostrando como Cristo veio desfazer o que Adão tinha feito e que, pela fé, as vítimas do pecado de Adão poderiam ser resgatadas por Jesus, o Salvador. O fundamento de tudo isso é a morte substitutiva de Cristo na cruz. Ela abriu o caminho para que todo ser humano, judeu ou gentio, fosse salvo por Jesus, que, com Seu sangue, trouxe justificação para todos os que O aceitam.”1

“Certamente, esse é um tema digno de ser exposto, pois é o fundamento de toda a nossa esperança!”1

Sábado, 04 de novembro de 2017. Saiba mais, ouça o Comentário em áudio  da Lição da Escola Sabatina (LES) ou se preferir faça um Curso Bíblico.
_______________
1 LIÇÃO da escola sabatina. Salvação somente pela fé: o livro de Romanos. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 490, Out. Nov. Dez. 2017. Adulto, Professor.

Sofrimento, Jesus e salvação

Lições da Bíblia

“1. Leia as seguintes passagens e escreva o que cada uma revela sobre a salvação:”1

1Pe 1:2 – “eleitos, segundo a presciência de Deus Pai, em santificação do Espírito, para a obediência e a aspersão do sangue de Jesus Cristo, graça e paz vos sejam multiplicadas.2

1Pe 1:8, 9 – “8 a quem, não havendo visto, amais; no qual, não vendo agora, mas crendo, exultais com alegria indizível e cheia de glória, 9 obtendo o fim da vossa fé: a salvação da vossa alma.2

1Pe 1:18, 19 –  “18 sabendo que não foi mediante coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados do vosso fútil procedimento que vossos pais vos legaram,  19 mas pelo precioso sangue, como de cordeiro sem defeito e sem mácula, o sangue de Cristo,2

1Pe 2:22-25 –  “22 o qual não cometeu pecado, nem dolo algum se achou em sua boca;  23 pois ele, quando ultrajado, não revidava com ultraje; quando maltratado, não fazia ameaças, mas entregava-se àquele que julga retamente,  24 carregando ele mesmo em seu corpo, sobre o madeiro, os nossos pecados, para que nós, mortos para os pecados, vivamos para a justiça; por suas chagas, fostes sarados.  25 Porque estáveis desgarrados como ovelhas; agora, porém, vos convertestes ao Pastor e Bispo da vossa alma.2

1Pe 3:18 – “Pois também Cristo morreu, uma única vez, pelos pecados, o justo pelos injustos, para conduzir-vos a Deus; morto, sim, na carne, mas vivificado no espírito,2

“Quando Pedro mencionava a salvação, geralmente apresentava esse tema no contexto do sofrimento de Cristo como Substituto dos pecadores. Por exemplo, em 1 Pedro 2:22-24, ao escrever sobre o sofrimento de Jesus, ele utilizou uma linguagem que refletia Isaías 53:5, 6, 9. ‘Carregando Ele mesmo em Seu corpo, sobre o madeiro, os nossos pecados […] por Suas chagas, fostes sarados’ (1Pe 2:24). Essa passagem revela os conceitos de substituição e sacrifício.”1

“Em muitos dos sacrifícios descritos no Antigo Testamento, os pecadores traziam suas ofertas ao templo e impunham as mãos sobre elas. Esse ato transferia simbolicamente o pecado do pecador para o animal, que então morria em seu lugar (Lv 4:29, 30, 33, 34; 14:10-13). A impureza do pecado acumulada sobre o altar era purificada e removida no Dia da Expiação (Lv 16:16-19).”1

“O sangue do sacrifício desempenhava função muito importante na expiação do pecado. Os cristãos foram remidos pelo precioso sangue de Jesus (1Pe 1:18, 19). Paulo também expressou a mesma ideia de substituição ao dizer que Cristo, que não conheceu o pecado, tornou-Se pecado por nós (2Co 5:21). De acordo com 1 Pedro 3:18, Jesus sofreu pelos pecados, o Justo pelos injustos.”1

“Assim como Paulo (Rm 3:21, 22), Pedro enfatizou a necessidade de fé. Ele declarou: ‘Ao qual, não O havendo visto, amais […] alcançando o fim da vossa fé, a salvação da alma’ (1Pe 1:8, 9, ARC). A salvação não é obtida mediante o comportamento piedoso, mas concedida quando cremos no que Jesus fez por nós e O aceitamos como Salvador pessoal. Nossa garantia se encontra nEle, não em nós mesmos.”1

“Por que Jesus, como nosso Substituto, é nossa grande esperança de salvação? Como essa maravilhosa verdade nos conforta?”1

Domingo, 18 de junho de 2017. Saiba mais, ouça o Comentário em áudio  da Lição da Escola Sabatina (LES) ou se preferir faça um Curso Bíblico.
_______________
1 MCLVER, Robert K. Apascenta as Minhas ovelhas: 1 e 2 Pedro. Lições da escola sabatina. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 488, Abr. Mai. Jun. 2017. Adulto, Professor.
2 BIBLÍA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Principais temas de 1 e 2 Pedro

Lições da Bíblia

Carregando Ele mesmo em Seu corpo, sobre o madeiro, os nossos pecados, para que nós, mortos para os pecados, vivamos para a justiça; por Suas chagas, fostes sarados” (1Pe 2:24).1

“As duas epístolas de Pedro foram escritas para fins práticos. Em 1 Pedro, o grande problema combatido pelo apóstolo foi a perseguição enfrentada pelos cristãos. Já em 2 Pedro, o problema foi os falsos mestres. Pedro escreveu com poder e autoridade, à medida que buscava encorajar seus leitores e adverti-los dos desafios que surgiam diante deles.”1

“Pedro combateu ambos os problemas em termos teológicos. Os sofrimentos causados pela perseguição fizeram com que ele refletisse sobre a agonia e morte de Jesus, que nos trouxeram a salvação. Os falsos mestres enfrentarão a realidade do juízo, que ocorrerá depois da segunda vinda de Cristo à Terra. Esses são alguns dos temas abordados por Pedro em suas duas cartas.”1

“A lição desta última semana analisa com mais detalhes cinco temas sobre os quais Pedro escreveu: os sofrimentos de Jesus que resultaram em nossa salvação; nossa resposta prática ao fato de que Deus julgará nossas ações no juízo final; a esperança que temos da breve volta de Jesus; a ordem na sociedade e na igreja; e a função das Escrituras em orientar nossa vida.”1

Incentive os jovens de sua igreja a dedicar as próximas férias à colportagem evangelística e a estudar em nossos internatos.

Sábado, 17 de junho de 2017. Saiba mais, ouça o Comentário em áudio  da Lição da Escola Sabatina (LES) ou se preferir faça um Curso Bíblico.
_______________
1 MCLVER, Robert K. Apascenta as Minhas ovelhas: 1 e 2 Pedro. Lições da escola sabatina. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 488, Abr. Mai. Jun. 2017. Adulto, Professor.

 

2 BIBLÍA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Jesus no Antigo Testamento

Lições da Bíblia

“Pedro escreveu suas duas epístolas com convicção. Ele sabia do que estava falando, pois conhecia Aquele sobre quem pregava. Pedro tinha certeza de que Jesus era Aquele a quem os profetas do Antigo Testamento haviam se referido. Sua confiança nas Escrituras o ajudou reconhecer o Verbo que ‘Se fez carne’ (Jo 1:14).”1

“Em 1 Pedro 1:10-12, o apóstolo dirigiu seus leitores ao Antigo Testamento, aos profetas do passado e ao que eles haviam ensinado sobre Cristo. De acordo com ele, o Espírito Santo revelou duas verdades fundamentais sobre Jesus no Antigo Testamento: os sofrimentos de Cristo e Sua glória futura (1Pe 1:11). Essas duas imagens podem ser encontradas em todo o Antigo Testamento.”1

“1. O que os seguintes textos ensinam sobre as profecias a respeito de Jesus? Sl 22Is 53:1-12Zc 12:1013:7Jr 33:14, 15Dn 7:13, 14”1

“1 Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste? Por que se acham longe de minha salvação as palavras de meu bramido? 2 Deus meu, clamo de dia, e não me respondes; também de noite, porém não tenho sossego. 3 Contudo, tu és santo, entronizado entre os louvores de Israel. 4 Nossos pais confiaram em ti; confiaram, e os livraste. 5 A ti clamaram e se livraram; confiaram em ti e não  foram confundidos. 6 Mas eu sou verme e não homem; opróbrio dos homens e desprezado do povo. 7 Todos os que me vêem zombam de mim; afrouxam os lábios e meneiam a cabeça: 8 Confiou no SENHOR! Livre-o ele; salve-o, pois nele tem prazer. 9 Contudo, tu és quem me fez nascer; e me preservaste, estando eu ainda ao seio de minha mãe. 10 A ti me entreguei desde o meu nascimento; desde o ventre de minha mãe, tu és meu Deus. 11 Não te distancies de mim, porque a tribulação está próxima, e não há quem me acuda. 12 Muitos touros me cercam, fortes touros de Basã me rodeiam. 13 Contra mim abrem a boca, como faz o leão que despedaça e ruge. 14 Derramei-me como água, e todos os meus ossos se  desconjuntaram; meu coração fez-se como cera, derreteu-se dentro de mim. 15 Secou-se o meu vigor, como um caco de barro, e a língua se me apega ao céu da boca; assim, me deitas no pó da morte. 16 Cães me cercam; uma súcia de malfeitores me rodeia; traspassaram-me as mãos e os pés. 17 Posso contar todos os meus ossos; eles me estão olhando e encarando em mim. 18 Repartem entre si as minhas vestes e sobre a minha túnica deitam sortes. 19 Tu, porém, SENHOR, não te afastes de mim; força minha, apressa-te em socorrer-me. 20 Livra a minha alma da espada, e, das presas do cão, a minha vida. 21 Salva-me das fauces do leão e dos chifres dos búfalos; sim, tu me respondes. 22 A meus irmãos declararei o teu nome; cantar-te-ei louvores no meio da congregação; 23 vós que temeis o SENHOR, louvai-o; glorificai-o, vós todos, descendência de Jacó; reverenciai-o, vós todos, posteridade de Israel. 24 Pois não desprezou, nem abominou a dor do aflito, nem ocultou dele o rosto, mas o ouviu, quando lhe gritou por socorro. 25 De ti vem o meu louvor na grande congregação; cumprirei os meus votos na presença dos que o temem. 26 Os sofredores hão de comer e fartar-se; louvarão o SENHOR os que o buscam. Viva para sempre o vosso coração. 27 Lembrar-se-ão do SENHOR e a ele se converterão os confins da terra; perante ele se prostrarão todas as famílias das nações. 28 Pois do SENHOR é o reino, é ele quem governa as nações. 29 Todos os opulentos da terra hão de comer e adorar, e todos os que descem ao pó se prostrarão perante ele, até aquele que não pode preservar a própria vida. 30 A posteridade o servirá; falar-se-á do Senhor à geração vindoura. 31 Hão de vir anunciar a justiça dele; ao povo que há de nascer, contarão que foi ele quem o fez.” (Salmo 22 ARA)2. “1 Quem creu em nossa pregação? E a quem foi revelado o braço do SENHOR? 2 Porque foi subindo como renovo perante ele e como raiz de uma terra seca; não tinha aparência nem formosura; olhamo-lo, mas nenhuma beleza havia que nos agradasse. 3 Era desprezado e o mais rejeitado entre os homens; homem de dores e que sabe o que é padecer; e, como um de quem os homens escondem o rosto, era desprezado, e dele não fizemos caso. 4 Certamente, ele tomou sobre si as nossas enfermidades e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus e oprimido. 5 Mas ele foi traspassado pelas nossas transgressões e moído pelas nossas iniquidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados. 6 Todos nós andávamos desgarrados como ovelhas; cada um se desviava pelo caminho, mas o SENHOR fez cair sobre ele a iniquidade de nós todos. 7 Ele foi oprimido e humilhado, mas não abriu a boca; como cordeiro foi levado ao matadouro; e, como ovelha muda perante os seus tosquiadores, ele não abriu a boca. 8 Por juízo opressor foi arrebatado, e de sua linhagem, quem dela cogitou? Porquanto foi cortado da terra dos viventes; por causa da transgressão do meu povo, foi ele ferido. 9 Designaram-lhe a sepultura com os perversos, mas com o rico esteve na sua morte, posto que nunca fez injustiça, nem dolo algum se achou em sua boca. 10 Todavia, ao SENHOR agradou moê-lo, fazendo-o enfermar; quando der ele a sua alma como oferta pelo pecado, verá a sua posteridade e prolongará os seus dias; e a vontade do SENHOR prosperará nas suas mãos. 11 Ele verá o fruto do penoso trabalho de sua alma e ficará satisfeito; o meu Servo, o Justo, com o seu conhecimento, justificará a muitos, porque as iniquidades deles levará sobre si. 12 Por isso, eu lhe darei muitos como a sua parte, e com os poderosos repartirá ele o despojo, porquanto derramou a sua alma na morte; foi contado com os transgressores; contudo, levou sobre si o pecado de muitos e pelos transgressores intercedeu.” (Isaías 53:1-12 ARA)2. “E sobre a casa de Davi e sobre os habitantes de Jerusalém derramarei o espírito da graça e de súplicas; olharão para aquele a quem traspassaram; pranteá-lo-ão como quem pranteia por um unigênito e chorarão por ele como se chora amargamente pelo primogênito.” (Zacarias 12:10 ARA)2. “Desperta, ó espada, contra o meu pastor e contra o homem que é o meu companheiro, diz o SENHOR dos Exércitos; fere o pastor, e as ovelhas ficarão dispersas; mas volverei a mão para os pequeninos.” (Zacarias 13:7 ARA)2. “14 Eis que vêm dias, diz o SENHOR, em que cumprirei a boa palavra que proferi à casa de Israel e à casa de Judá. 15 Naqueles dias e naquele tempo, farei brotar a Davi um Renovo de justiça; ele executará juízo e justiça na terra.” (Jeremias 33:14, 15 ARA)2. “13 Eu estava olhando nas minhas visões da noite, e eis que vinha com as nuvens do céu um como o Filho do Homem, e dirigiu-se ao Ancião de Dias, e o fizeram chegar até ele. 14 Foi-lhe dado domínio, e glória, e o reino, para que os povos, nações e homens de todas as línguas o servissem; o seu domínio é domínio eterno, que não passará, e o seu reino jamais será destruído.” (Daniel 7:13, 14 ARA)2.

“Em 1 Pedro 1:10-12, o apóstolo declarou a seus leitores que eles ocupavam uma posição muito especial na história da salvação, tendo recebido uma revelação muito maior do que a dos profetas do Antigo Testamento. Os profetas falaram às pessoas de sua própria época; no entanto, algumas partes fundamentais de suas mensagens não foram cumpridas senão quando Cristo veio.”

“Certas coisas preditas pelos profetas somente se cumpriram nos dias em que os leitores de Pedro viveram. Esses cristãos puderam ouvir, ‘daqueles que lhes pregaram o evangelho pelo Espírito Santo enviado do Céu’, verdades que os anjos desejavam conhecer (1Pe 1:12, NVI). Tendo recebido a pregação do evangelho, eles conheceram a natureza do sofrimento e humilhação do Redentor com muito mais detalhes do que os profetas do passado. É evidente que eles tiveram que esperar, como veremos, pelas ‘glórias que se seguiriam’ (1Pe 1:11, NVI).1

“Quais promessas bíblicas já se cumpriram em sua vida? Quais ainda não se cumpriram? O que elas significam para você? Como você pode se apegar a elas, a despeito das circunstâncias?”1

Continue impactando pessoas com a esperança em Jesus Cristo. Ore e trabalhe em favor das pessoas que receberam o livro Em busca de esperança. Organize uma celebração com testemunhos e louvor em sua igreja.

Domingo, 28 de maio de 2017. Saiba mais, ouça o Comentário em áudio  da Lição da Escola Sabatina (LES) ou se preferir faça um Curso Bíblico.
_______________
MCLVER, Robert K. Apascenta as Minhas ovelhas: 1 e 2 Pedro. Lições da escola sabatina. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 488, Abr. Mai. Jun. 2017. Adulto, Professor.
 BIBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Jesus nos escritos de Pedro – Estudo adicional

Lições da Bíblia

Assista em vídeo a discussão do tema da semana.

Estudo adicional

“Ao falar dos títulos de Jesus, ‘parece lógico começar com ‘Messias’, visto que a igreja cristã deve seu nome ao equivalente grego Christos, o ‘Ungido’. A palavra hebraica designa a figura do libertador a quem os judeus aguardavam e que seria o agente divino na inauguração de uma nova era para o povo de Deus. Tanto o termo grego como o hebraico derivam de raízes que significam ‘ungir’. É evidente que, ao chamar Jesus de ‘Cristo’, os escritores do Novo Testamento viam-O como alguém especialmente separado para uma tarefa específica.”1

“O título Christos ocorre mais de 500 vezes no Novo Testamento. Embora houvesse entre os contemporâneos de Jesus mais de um conceito de messianidade, geralmente se admite que, por volta do primeiro século, os judeus concebiam o Messias como alguém que possuía especial relacionamento com Deus. Ele surgiria no fim do tempo, quando o reino de Deus seria estabelecido. Era alguém por meio de quem Deus interviria na História para o livramento do Seu povo. Jesus aceitava o título de ‘Messias’, mas não encorajava seu uso, pois o termo encerrava conotações políticas que dificultavam o seu emprego. Embora relutasse em tirar proveito desse título em público para descrever Sua missão, Jesus não repreendeu Pedro (Mt 16:16, 17) nem a mulher samaritana (Jo 4:25, 26) quando o utilizaram. Ele sabia que era o Messias, conforme se deduz do relato de Marcos, onde Jesus afirma que receberia galardão quem desse de beber um copo de água a um de Seus seguidores, porque eles eram discípulos de Cristo (Mc 9:41)” (Tratado de Teologia Adventista do Sétimo Dia, p. 186).”1

Perguntas para reflexão

  1. “De acordo com Isaías 53:1-12,o que Jesus fez por nós? Por que precisamos dEle como nosso substituto?”1
  2. “Ao longo da História, a promessa bíblica de vida após a morte foi usada para manter as pessoas oprimidas. Por isso, muitos rejeitam a noção cristã de vida futura. Qual seria sua resposta a esse pensamento?”1
  3. “O que a divindade de Jesus revela sobre o caráter de Deus?”1
Sexta-feira, 19 de maio de 2017. Saiba mais, ouça o Comentário em áudio  da Lição da Escola Sabatina (LES) ou se preferir faça um Curso Bíblico.
_______________
MCLVER, Robert K. Apascenta as Minhas ovelhas: 1 e 2 Pedro. Lições da escola sabatina. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 488, Abr. Mai. Jun. 2017. Adulto, Professor.