Sobrevivendo pela esperança

Lições da Bíblia1

“Não queremos, irmãos, que vocês fiquem sem saber que tipo de tribulação nos sobreveio na província da Ásia. Foi algo acima das nossas forças, a ponto de perdermos a esperança até da própria vida. De fato, tivemos em nós mesmos a sentença de morte, para que não confiássemos em nós mesmos, e sim no Deus que ressuscita os mortos” (2Co 1:8, 9). Sendo apóstolo de Cristo, Paulo tinha suportado mais aflições do que a maioria das pessoas. Contudo, ele não foi esmagado. Ao contrário, cresceu em louvor a Deus. Considere as dificuldades pelas quais ele passou (2Co 11:23-29; 2Co 1:3-11).

5. Leia 2 Coríntios 1:4. Em que medida o sofrimento pode ser um chamado ao ministério? Como estar mais atentos a essa possibilidade?

2 Coríntios 1:4 (ARA)2: “É ele que nos conforta em toda a nossa tribulação, para podermos consolar os que estiverem em qualquer angústia, com a consolação com que nós mesmos somos contemplados por Deus.

“Deus quer ministrar por nosso intermédio a pessoas que sofrem. Isso significa que Ele pode primeiramente permitir que experimentemos dores para então oferecermos encorajamento, não na teoria, mas a partir da nossa experiência da compaixão e conforto divinos. Esse foi um princípio da vida de Jesus (ver Hb 4:15).

As vívidas descrições de Paulo sobre suas dificuldades não foram escritas para que sintamos pena dele, mas para sabermos que, mesmo quando estivermos no fundo do poço, o Pai pode intervir para levar compaixão e consolo. Podemos até perder a esperança quanto à nossa vida, mas não tenhamos medo, Deus está nos ensinando a depender Dele. Podemos confiar Nele, pois o Senhor “ressuscita os mortos” (2Co 1:9).

Visto que o foco do apóstolo dos gentios continuou sendo proclamar o evangelho, ele sabia que Deus o salvaria também no futuro. A habilidade do apóstolo em permanecer firme tinha como base três coisas mencionadas em 2 Coríntios 1:10, 11. Primeiro, os antecedentes divinos: “o qual nos livrou e ainda livrará de tão grande morte”. Segundo, a determinação de Paulo em se concentrar somente em Deus: “Nele temos esperado que ainda continuará a nos livrar”. Terceiro, a intercessão contínua dos santos: “enquanto vocês nos ajudam com orações”.”

O que você pode aprender com Paulo que pode ajudá-lo a evitar a autopiedade em meio a suas próprias lutas?

Quarta-feira, 27 de julho de 2022. Saiba mais, faça gratuitamente um Curso Bíblico

_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Provados pelo fogo. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 509, jul. ago. set. 2022. Adulto, Professor. 
2 BÍBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s