Escolhendo amigos

Lições da Bíblia

“Uma das escolhas mais importantes que fazemos diz respeito aos nossos amigos. Na maioria das vezes, não nos propomos a fazer amigos; as amizades simplesmente se desenvolvem naturalmente à medida que passamos tempo com pessoas que gostam de algumas coisas que nós também apreciamos.”1

“4. Quais princípios encontramos nos seguintes versículos sobre a escolha de amigos? Pv 12:26; 17:17; 18:24; 22:24, 25”1

Provérbios (12:26 ARA)2: “O justo serve de guia para o seu companheiro, mas o caminho dos perversos os faz errar.

Provérbios (17:17 ARA)2: “Em todo tempo ama o amigo, e na angústia se faz o irmão.

Provérbios (18:24 ARA)2: “O homem que tem muitos amigos sai perdendo; mas há amigo mais chegado do que um irmão.

Provérbios (22:24, 25 ARA)2: “24 Não te associes com o iracundo, nem andes com o homem colérico, 25 para que não aprendas as suas veredas e, assim, enlaces a tua alma.

“Provérbios 18:24 sugere que, se quisermos ter amigos, devemos ser amigáveis. Às vezes, as pessoas se encontram sozinhas porque sua atitude negativa e melancólica afasta as outras pessoas. ‘Mesmo os melhores de nós possuem esses traços desagradáveis; e ao escolher amigos devemos selecionar aqueles que não se afastarão de nós quando souberem que não somos perfeitos. É preciso haver paciência mútua. Devemos amar e respeitar uns aos outros, apesar das falhas e imperfeições que não podemos deixar de ver; pois esse é o Espírito de Cristo. A humildade e a desconfiança de si mesmo devem ser cultivadas, e também uma paciente ternura com os defeitos dos outros. Isso destruirá todo o egoísmo mesquinho e nos tornará compassivos e generosos’ (Ellen G. White, Ministério Pastoral, p. 95).”1

“Uma das histórias mais conhecidas de amizade é a de Davi e Jônatas. Se Saul, o primeiro rei de Israel e pai de Jônatas, tivesse sido fiel e obediente, seu reino poderia ter durado várias gerações, e Jônatas poderia ter sido o sucessor de seu trono. Quando Saul se mostrou indigno de seu chamado, Deus escolheu Davi como o novo rei de Israel, desqualificando, assim, Jônatas para o posto que, de outra maneira, deveria ter sido seu por direito. Aqui temos um poderoso exemplo de como as escolhas erradas de um membro da família (Saul) prejudicaram outro membro da família (Jônatas).”1

“Mas Jônatas não ficou irado com Davi nem com inveja dele. Em vez disso, ele escolheu ajudar Davi, protegendo-o da ira de seu próprio pai, Saul. ‘A alma de Jônatas se ligou com a de Davi; e Jônatas o amou como à sua própria alma’ (1Sm 18:1). Que poderoso exemplo de amizade verdadeira!”1

“Não se deixem enganar: ‘as más companhias corrompem os bons costumes’ (1Co 15:33, NVI). Qual tem sido sua experiência com amigos que o prejudicaram, mesmo que não tivessem a intenção de lhe fazer mal? As escolhas erradas em relação à amizade podem prejudicar as relações familiares?”1

Terça-feira, 09 de abril de 2019. Saiba mais, ouça o Comentário em áudio da Lição da Escola Sabatina (LES) ou se preferir faça um Curso Bíblico.
_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Estações da vida. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 496, abr. maio. jun. 2019. Adulto, Professor.
2 BIBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s