Andando sobre as águas

Lições da Bíblia

“Em seus momentos com Jesus, os discípulos viram muitas coisas notáveis, embora poucas delas possam ser comparadas aos acontecimentos descritos em Mateus 14:13-33, Marcos 6:30-52 e João 6:1-21. Cristo usou cinco pequenos pães e dois peixes para alimentar mais de cinco mil pessoas! O que os discípulos devem ter pensado depois de testemunhar esse milagre?”1

“4. Leia Mateus 14:22-33. Qual é a lição mais importante dessa história? Como ela nos ajuda em nossa caminhada com o Senhor?”1

“22 Logo a seguir, compeliu Jesus os discípulos a embarcar e passar adiante dele para o outro lado, enquanto ele despedia as multidões. 23 E, despedidas as multidões, subiu ao monte, a fim de orar sozinho. Em caindo a tarde, lá estava ele, só. 24 Entretanto, o barco já estava longe, a muitos estádios da terra, açoitado pelas ondas; porque o vento era contrário. 25 Na quarta vigília da noite, foi Jesus ter com eles, andando por sobre o mar. 26 E os discípulos, ao verem-no andando sobre as águas, ficaram aterrados e exclamaram: É um fantasma! E, tomados de medo, gritaram. 27 Mas Jesus imediatamente lhes disse: Tende bom ânimo! Sou eu. Não temais! 28 Respondendo-lhe Pedro, disse: Se és tu, Senhor, manda-me ir ter contigo, por sobre as águas. 29 E ele disse: Vem! E Pedro, descendo do barco, andou por sobre as águas e foi ter com Jesus. 30 Reparando, porém, na força do vento, teve medo; e, começando a submergir, gritou: Salva-me, Senhor! 31 E, prontamente, Jesus, estendendo a mão, tomou-o e lhe disse: Homem de pequena fé, por que duvidaste? 32 Subindo ambos para o barco, cessou o vento. 33 E os que estavam no barco o adoraram, dizendo: Verdadeiramente és Filho de Deus!” (Mateus 22-33 ARA)2.

“Tendo alimentado a multidão, aqueles homens tinham acabado de testemunhar o poder de Jesus de maneira extraordinária. Cristo tinha, realmente, domínio sobre o mundo natural. Certamente isso motivou Pedro a fazer seu pedido bastante ousado, até mesmo presunçoso: ‘Se és Tu, SENHOR, manda-me ir ter contigo, por sobre as águas’ (Mt 14:28).”1

“Que grande expressão de fé!”1

“Jesus então reconheceu essa fé e mandou Pedro ir a Ele. Pedro obedeceu, dando mais uma demonstração de fé. Uma coisa teria sido andar sobre as águas quando elas estivessem calmas, mas Pedro andou sobre elas no meio de uma tempestade!”1

“A lição que geralmente tiramos dessa história é que não devemos desviar nossos olhos de Jesus. Porém, ela não é a única. Pedro certamente confiava em Jesus, senão ele jamais teria feito aquele pedido e, em seguida, agido de acordo com ele. No entanto, o discípulo ficou com medo e começou a afundar.”1

“Por quê? Jesus não poderia ter mantido Pedro na superfície das águas apesar de seu medo? Cristo, porém, permitiu que ele chegasse ao ponto de não poder fazer nada a não ser clamar em sua impotência: ‘SENHOR, salva-me!’ (Mt 14:30). Jesus estendeu a mão e fez exatamente o que Pedro havia pedido. O fato de Cristo ter estendido a mão e segurado Pedro (Mt 14:31), quando poderia simplesmente tê-lo mantido na superfície sem tocá-lo, certamente ajudou aquele discípulo a perceber quanto tinha que aprender a depender de Jesus.”1

“Podemos começar nossa jornada com grande fé, confiando no poder do nosso Senhor. Porém, quando a situação se torna assustadora precisamos nos lembrar das palavras de Jesus a Pedro: ‘Homem de pequena fé, por que duvidaste?’ (Mt 14:31).1

Visite alguém que não tenha a assinatura da Lição da Escola Sabatina e incentive essa pessoa a adquirir o alimento espiritual.

Terça-feira, 28 de março de 2017. Saiba mais, ouça o Comentário em áudio  da Lição da Escola Sabatina (LES) ou se preferir faça um Curso Bíblico.
_______________

1MCLVER, Robert K. Apascenta as Minhas ovelhas: 1 e 2 Pedro. Lições da escola sabatina. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 488, Abr. Mai. Jun. 2017. Adulto, Professor.
2 BIBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s