Fazemos parte da família de Deus

Lições da Bíblia1

1. “Eu me ponho de joelhos diante do Pai, de quem toda a família, nos Céus e na Terra, recebe o nome” (Ef 3:14, 15). Que imagem é evocada nesses versos e que esperança se encontra neles?

A imagem de uma família. A esperança de nos tornarmos um dia membros da família celestial.

Jesus declarou “Portanto, orem assim: ‘Pai nosso, que estás nos Céus, santificado seja o Teu nome’” (Mt 6:9). Posteriormente, repetiu a mesma oração em secreto a Seus discípulos (Lc 11:2). Jesus nos instruiu a chamar Seu Pai de “Pai nosso, que estás nos Céus”. Quando Jesus Se encontrou com Maria após a ressurreição, ela quis abraçá-Lo. Contudo, Ele lhe disse: “Não Me detenha, porque ainda não subi para o Meu Pai. Mas vá até os Meus irmãos e diga a eles: Subo para o Meu Pai e o Pai de vocês, para o Meu Deus e o Deus de vocês” (Jo 20:17).

Visto que o Pai de Jesus é também nosso Pai, Jesus é nosso Irmão, e somos todos irmãos e irmãs no Senhor. Jesus Se tornou membro da família terrestre a fim de que pudéssemos nos tornar membros da família celestial. “A família no Céu e a família na Terra são uma só” (Ellen G. White, O Desejado de Todas as Nações, p. 672).

2. Leia Êxodo 3:10; 5:1; Gálatas 3:26, 29. Como Deus Se relaciona conosco? Por que isso é tão encorajador?

Êxodo 3:10 (ARA)2: “Vem, agora, e eu te enviarei a Faraó, para que tires o meu povo, os filhos de Israel, do Egito.”

Êxodo 5:1 (ARA)2: “Depois, foram Moisés e Arão e disseram a Faraó: Assim diz o Senhor, Deus de Israel: Deixa ir o meu povo, para que me celebre uma festa no deserto.”

Gálatas 3:26, 29 (ARA): “26 Pois todos vós sois filhos de Deus mediante a fé em Cristo Jesus; […] 29 E, se sois de Cristo, também sois descendentes de Abraão e herdeiros segundo a promessa.

Em contraste com uma visão da criação na qual somos considerados meros produtos de leis naturais frias e indiferentes, as Escrituras ensinam não apenas que Deus existe, mas que Ele nos ama e Se relaciona conosco de maneira tão amorosa que a imagem da família é frequentemente usada nas Escrituras para descrever esse relacionamento. Quer Jesus chame Israel de “Meu povo”, ou nós de “filhos de Deus”, ou Se refira a Deus como “nosso Pai”, o ponto é o mesmo: Deus nos ama da maneira que membros de uma família devem amar uns aos outros. Que boa notícia em meio a um mundo que pode ser muito hostil!

Imagine um mundo em que tratássemos todos como família. De que modo podemos nos relacionar melhor com todos, como nossos irmãos e irmãs?

Domingo, 01 de janeiro de 2023. Saiba mais, faça gratuitamente um Curso Bíblico
_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Admistradores fieis: à espera do Mestre. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 511, jan. fev. mar. 2023. Adulto, Professor. 
2 BÍBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s