Aqueles que dormem no pó

Lições da Bíblia1

Como veremos, o NT fala muito sobre a ressurreição dos mortos; e, como já vimos, a ideia da ressurreição dos mortos também aparece no AT. Nos tempos do AT, as pessoas tinham a mesma esperança que temos da ressurreição final. Marta, que viveu na época de Jesus, já tinha essa esperança (Jo 11:24). Sem dúvida, mesmo então, os judeus tinham algum conhecimento da ressurreição nos últimos dias, ainda que nem todos acreditassem nela (veja At 23:8).

5. Leia Daniel 12. Que esperança de ressurreição podemos encontrar nos escritos desse grande profeta?

Daniel 12 (ARA)2: “1 Nesse tempo, se levantará Miguel, o grande príncipe, o defensor dos filhos do teu povo, e haverá tempo de angústia, qual nunca houve, desde que houve nação até àquele tempo; mas, naquele tempo, será salvo o teu povo, todo aquele que for achado inscrito no livro. 2 Muitos dos que dormem no pó da terra ressuscitarão, uns para a vida eterna, e outros para vergonha e horror eterno. 3 Os que forem sábios, pois, resplandecerão como o fulgor do firmamento; e os que a muitos conduzirem à justiça, como as estrelas, sempre e eternamente. 4 Tu, porém, Daniel, encerra as palavras e sela o livro, até ao tempo do fim; muitos o esquadrinharão, e o saber se multiplicará. 5 Então, eu, Daniel, olhei, e eis que estavam em pé outros dois, um, de um lado do rio, o outro, do outro lado. 6 Um deles disse ao homem vestido de linho, que estava sobre as águas do rio: Quando se cumprirão estas maravilhas? 7 Ouvi o homem vestido de linho, que estava sobre as águas do rio, quando levantou a mão direita e a esquerda ao céu e jurou, por aquele que vive eternamente, que isso seria depois de um tempo, dois tempos e metade de um tempo. E, quando se acabar a destruição do poder do povo santo, estas coisas todas se cumprirão. 8 Eu ouvi, porém não entendi; então, eu disse: meu senhor, qual será o fim destas coisas? 9 Ele respondeu: Vai, Daniel, porque estas palavras estão encerradas e seladas até ao tempo do fim. 10 Muitos serão purificados, embranquecidos e provados; mas os perversos procederão perversamente, e nenhum deles entenderá, mas os sábios entenderão. 11 Depois do tempo em que o sacrifício diário for tirado, e posta a abominação desoladora, haverá ainda mil duzentos e noventa dias. 12 Bem-aventurado o que espera e chega até mil trezentos e trinta e cinco dias. 13 Tu, porém, segue o teu caminho até ao fim; pois descansarás e, ao fim dos dias, te levantarás para receber a tua herança.

Daniel 12:1 refere-se a Miguel, “o grande Príncipe”, cuja identificação tem sido bastante contestada. Visto que cada uma das grandes visões no livro de Daniel culmina com a manifestação de Cristo e Seu reino, isso também deveria ocorrer com relação a essa passagem específica. No livro de Daniel encontramos alusões ao mesmo Ser divino como “Príncipe desse exército” (Dn 8:11), “Príncipe dos príncipes” (Dn 8:25), “Ungido, o Príncipe” (Dn 9:25) e finalmente como “Miguel, o grande Príncipe” (Dn 12:1). Portanto, devemos identificar Miguel também como Cristo.

Os textos do AT considerados até aqui (Jó 19:25-27; Sl 49:15; 71:20; Is 26:19) falam da ressurreição de pessoas justas. Mas Daniel fala da ressurreição de justos e de injustos. Quando Miguel Se levantar, “muitos dos que dormem no pó da terra ressuscitarão, uns para a vida eterna, outros para vergonha e horror eterno” (Dn 12:2).

Muitos consideram que esse verso fale sobre uma ressurreição especial de algumas pessoas, tanto fiéis quanto infiéis, no retorno de Cristo.

“As sepulturas se abrem, e ‘muitos dos que dormem no pó da terra’ ressuscitam, ‘uns para a vida eterna, e outros para vergonha e horror eterno’ (Dn 12:2). Todos os que morreram na fé da mensagem do terceiro anjo saem glorificados do túmulo para ouvir o concerto de paz, estabelecido por Deus com aqueles que guardaram Sua lei. ‘Até mesmo aqueles que O traspassaram’ (Ap 1:7, NVI), os que zombaram e escarneceram da agonia de Cristo e os mais obstinados inimigos de Sua verdade e de Seu povo ressuscitarão para contemplá-Lo em Sua glória e ver a honra conferida aos fiéis e obedientes” (Ellen G. White, O Grande Conflito, p. 528, 529).

Quinta-feira, 20 de outubro de 2022. Saiba mais, faça gratuitamente um Curso Bíblico

_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Vida, morte e eternidade. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 510, out. nov. dez. 2022. Adulto, Professor. 
2 BÍBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s