O rebelde Israel

Lições da Bíblia1

A história de Oseias tem lições poderosas para nos ensinar. A situação desse profeta é singular. Sua esposa, Gômer, fugiu e teve filhos com outros homens. Apesar da infidelidade da esposa de Oseias, Deus disse a ele que a levasse de volta para casa e lhe demonstrasse amor. Essa história devia ser uma parábola sobre Deus e Israel. Os israelitas abandonaram a Deus e se prostituíram espiritualmente com outros deuses, mas o Senhor ainda os amava e queria lhes mostrar Seu amor. Observe os métodos divinos!

2. Leia Oseias 2:1-12. Que métodos Deus disse que usaria para atrair Israel de volta a Si mesmo? Como foram essas experiências?

Oseias 2:1-12 (ARA)2: “1 Chamai a vosso irmão Meu-Povo e a vossa irmã, Favor. 2 Repreendei vossa mãe, repreendei-a, porque ela não é minha mulher, e eu não sou seu marido, para que ela afaste as suas prostituições de sua presença e os seus adultérios de entre os seus seios; 3 para que eu não a deixe despida, e a ponha como no dia em que nasceu, e a torne semelhante a um deserto, e a faça como terra seca, e a mate à sede, 5 Pois sua mãe se prostituiu; aquela que os concebeu houve-se torpemente, porque diz: Irei atrás de meus amantes, que me dão o meu pão e a minha água, a minha lã e o meu linho, o meu óleo e as minhas bebidas. 6 Portanto, eis que cercarei o seu caminho com espinhos; e levantarei um muro contra ela, para que ela não ache as suas veredas.Ela irá em seguimento de seus amantes, porém não os alcançará; buscá-los-á, sem, contudo, os achar; então, dirá: Irei e tornarei para o meu primeiro marido, porque melhor me ia então do que agora. 8 Ela, pois, não soube que eu é que lhe dei o trigo, e o vinho, e o óleo, e lhe multipliquei a prata e o ouro, que eles usaram para Baal. 9 Portanto, tornar-me-ei, e reterei, a seu tempo, o meu trigo e o meu vinho, e arrebatarei a minha lã e o meu linho, que lhe deviam cobrir a nudez. 10 Agora, descobrirei as suas vergonhas aos olhos dos seus amantes, e ninguém a livrará da minha mão. 11 Farei cessar todo o seu gozo, as suas Festas de Lua Nova, os seus sábados e todas as suas solenidades. 12 Devastarei a sua vide e a sua figueira, de que ela diz: Esta é a paga que me deram os meus amantes; eu, pois, farei delas um bosque, e as bestas-feras do campo as devorarão.”

Oseias 2:2, 3: Deus tornaria Israel uma terra seca.

Oseias 2:5-7: Impediria que fosse atrás de outros deuses.

Oseias 2:8, 9: Tiraria seu sustento.

Oseias 2:10-11: Cessaria a sua alegria.

Essa história levanta duas questões importantes sobre nossa maneira de considerar Deus quando Ele nos leva ao arrependimento. Primeiro, arriscamos não reconhecer que Ele está atuando. Quando Israel passou por tais experiências difíceis e dolorosas, pode ter sido difícil reconhecer que seu Deus estivesse trabalhando para sua salvação. Quando nosso caminho está cercado de espinhos cortantes ou quando um muro é levantado contra nós para que não encontremos o caminho a seguir (Os 2:6), é Deus que está agindo? Quando nos falta o básico ou somos envergonhados (Os 2:9, 10), nosso Pai está por trás disso? A verdade é que, não importa o que sintamos, Deus sempre trabalha para nos conduzir ao arrependimento, porque Ele nos ama muito.

Segundo, corremos o risco de interpretar mal a Deus quando Ele está trabalhando. Podemos reconhecer que o Senhor está atuando, mas não gostar do que Ele faz. Quando estamos machucados e envergonhados, é fácil dizer que Deus é cruel, que não intervém ou que não Se importa. Mas Ele sempre atua para nos restabelecer por meio de Sua aliança de amor.

Leia Oseias 2:14-23.

[“14 Portanto, eis que eu a atrairei, e a levarei para o deserto, e lhe falarei ao coração. 15 E lhe darei, dali, as suas vinhas e o vale de Acor por porta de esperança; será ela obsequiosa como nos dias da sua mocidade e como no dia em que subiu da terra do Egito. 16 Naquele dia, diz o Senhor, ela me chamará: Meu marido e já não me chamará: Meu Baal. 17 Da sua boca tirarei os nomes dos baalins, e não mais se lembrará desses nomes. 18 Naquele dia, farei a favor dela aliança com as bestas-feras do campo, e com as aves do céu, e com os répteis da terra; e tirarei desta o arco, e a espada, e a guerra e farei o meu povo repousar em segurança. 19 Desposar-te-ei comigo para sempre; desposar-te-ei comigo em justiça, e em juízo, e em benignidade, e em misericórdias; 20 desposar-te-ei comigo em fidelidade, e conhecerás ao Senhor. 21 Naquele dia, eu serei obsequioso, diz o Senhor, obsequioso aos céus, e estes, à terra; 22 a terra, obsequiosa ao trigo, e ao vinho, e ao óleo; e estes, a Jezreel. 23 Semearei Israel para mim na terra e compadecer-me-ei da Desfavorecida; e a Não-Meu-Povo direi: Tu és o meu povo! Ele dirá: Tu és o meu Deus!”]2.

O que esse texto revela sobre Deus? Peça que o Espírito Santo lhe mostre se você está fugindo do Pai em alguma área da vida. Se estiver fugindo, por que esperar passar pelo crisol? O que o impede de render tudo ao Senhor agora?

Segunda-feira, 25 de julho de 2022. Saiba mais, faça gratuitamente um Curso Bíblico

_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Provados pelo fogo. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 509, jul. ago. set. 2022. Adulto, Professor. 
2 BÍBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s