Enfrentando o passado

Lições da Bíblia1

Finalmente as coisas seguiram na direção certa para José, e em grande escala! Ele não apenas saiu da prisão, mas foi nomeado primeiro-ministro do Egito após ter interpretado os sonhos do Faraó (Gn 41). José se casou e teve dois filhos (Gn 41:50-52). Os depósitos do Egito estavam cheios, e a fome prevista havia começado. Então, os irmãos de José apareceram no Egito.

1. Leia sobre o primeiro encontro entre José e seus irmãos em Gênesis 42:7-20. Por que a elaborada trama? O que José estava tentando fazer com aquele primeiro encontro?

Gênesis 42:7-20 (ARA)2: “7 Vendo José a seus irmãos, reconheceu-os, porém não se deu a conhecer, e lhes falou asperamente, e lhes perguntou: Donde vindes? Responderam: Da terra de Canaã, para comprar mantimento. 8 José reconheceu os irmãos; porém eles não o reconheceram.Então, se lembrou José dos sonhos que tivera a respeito deles e lhes disse: Vós sois espiões e viestes para ver os pontos fracos da terra. 10 Responderam-lhe: Não, senhor meu; mas vieram os teus servos para comprar mantimento. 11 Somos todos filhos de um mesmo homem; somos homens honestos; os teus servos não são espiões. 12 Ele, porém, lhes respondeu: Nada disso; pelo contrário, viestes para ver os pontos fracos da terra. 13 Eles disseram: Nós, teus servos, somos doze irmãos, filhos de um homem na terra de Canaã; o mais novo está hoje com nosso pai, outro já não existe. 14 Então, lhes falou José: É como já vos disse: sois espiões. 15 Nisto sereis provados: pela vida de Faraó, daqui não saireis, sem que primeiro venha o vosso irmão mais novo. 16 Enviai um dentre vós, que traga vosso irmão; vós ficareis detidos para que sejam provadas as vossas palavras, se há verdade no que dizeis; ou se não, pela vida de Faraó, sois espiões. 17 E os meteu juntos em prisão três dias. 18 Ao terceiro dia, disse-lhes José: Fazei o seguinte e vivereis, pois temo a Deus. 19 Se sois homens honestos, fique detido um de vós na casa da vossa prisão; vós outros ide, levai cereal para suprir a fome das vossas casas. 20 E trazei-me vosso irmão mais novo, com o que serão verificadas as vossas palavras, e não morrereis. E eles se dispuseram a fazê-lo.

José poderia ter se vingado de seus irmãos sem ter que se justificar. Mas, em vez de vingança, ele estava interessado nos membros da família. José estava preocupado com seu pai. Jacó ainda estaria vivo ou aquela família disfuncional teria perdido o patriarca? E seu irmão Benjamim? Como deleite e alegria do pai, Benjamim estava agora na mesma posição em que José estivera. Teriam os irmãos transferido seu ciúme perigoso para Benjamim? José agora podia cuidar das pessoas vulneráveis em sua família, e ele fez exatamente isso.

Praticar os princípios bíblicos nos relacionamentos não significa que devamos aceitar o abuso. Todos são preciosos aos olhos de Deus. Na cruz, Jesus pagou o preço por todos nós.

2. Por que Jesus considerou de modo tão pessoal o abuso ou a negligência em relação aos outros? Mateus 25:41-46

Mateus 25:41-46 (ARA)2: “41 Então, o Rei dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos. 42 Porque tive fome, e não me destes de comer; tive sede, e não me destes de beber; 43 sendo forasteiro, não me hospedastes; estando nu, não me vestistes; achando-me enfermo e preso, não fostes ver-me. 44 E eles lhe perguntarão: Senhor, quando foi que te vimos com fome, com sede, forasteiro, nu, enfermo ou preso e não te assistimos? 45 Então, lhes responderá: Em verdade vos digo que, sempre que o deixastes de fazer a um destes mais pequeninos, a mim o deixastes de fazer. 46 E irão estes para o castigo eterno, porém os justos, para a vida eterna.”

Todos fomos comprados pelo sangue de Cristo, e legalmente somos todos Dele. Qualquer pessoa que seja abusiva está atacando a propriedade de Jesus.

O abuso sexual e a violência emocional ou física nunca devem fazer parte da dinâmica familiar. Não se trata somente de assuntos familiares privados a ser resolvidos internamente. São necessárias ajuda e intervenção externas. Se alguém de sua família estiver sofrendo abuso, peça ajuda a uma pessoa de confiança ou a alguma autoridade policial.

Quais princípios bíblicos você precisa aplicar aos relacionamentos familiares difíceis?

Domingo, 08 de agosto de 2021. Saiba mais, faça gratuitamente um Curso Bíblico

_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Descanso em Cristo. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 505, jul. ago. set. 2021. Adulto, Professor. 
2 BÍBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s