Fugitivo e errante pela terra

Lições da Bíblia1

7. Leia Gênesis 4:1-12. O que fez de Caim “fugitivo e errante pela terra” (Gn 4:12)?

Gênesis 4:1-12 (ARA)2: “1 Coabitou o homem com Eva, sua mulher. Esta concebeu e deu à luz a Caim; então, disse: Adquiri um varão com o auxílio do Senhor. 2 Depois, deu à luz a Abel, seu irmão. Abel foi pastor de ovelhas, e Caim, lavrador. 3 Aconteceu que no fim de uns tempos trouxe Caim do fruto da terra uma oferta ao Senhor.Abel, por sua vez, trouxe das primícias do seu rebanho e da gordura deste. Agradou-se o Senhor de Abel e de sua oferta;ao passo que de Caim e de sua oferta não se agradou. Irou-se, pois, sobremaneira, Caim, e descaiu-lhe o semblante.Então, lhe disse o Senhor: Por que andas irado, e por que descaiu o teu semblante? Se procederes bem, não é certo que serás aceito? Se, todavia, procederes mal, eis que o pecado jaz à porta; o seu desejo será contra ti, mas a ti cumpre dominá-lo.Disse Caim a Abel, seu irmão: Vamos ao campo. Estando eles no campo, sucedeu que se levantou Caim contra Abel, seu irmão, e o matou. 9 Disse o Senhor a Caim: Onde está Abel, teu irmão? Ele respondeu: Não sei; acaso, sou eu tutor de meu irmão? 10 E disse Deus: Que fizeste? A voz do sangue de teu irmão clama da terra a mim. 11 És agora, pois, maldito por sobre a terra, cuja boca se abriu para receber de tuas mãos o sangue de teu irmão. 12 Quando lavrares o solo, não te dará ele a sua força; serás fugitivo e errante pela terra.”

O texto bíblico não afirma explicitamente por que Deus Se agradou de Abel e de sua oferta, mas não “Se agradou” de Caim nem de sua oferta (Gn 4:4, 5). Porém, conhecemos a razão. “Caim foi perante Deus com queixas e incredulidade no coração com respeito ao sacrifício prometido e à necessidade de ofertas sacrificais. Sua dádiva não expressava arrependimento pelo pecado. Achava, como muitos hoje, que seria um reconhecimento de fraqueza seguir exatamente o plano indicado por Deus, confiando sua salvação inteiramente à expiação do Salvador prometido. Preferiu a conduta de dependência própria. Viria com seus próprios méritos” (Ellen G. White, Patriarcas e Profetas, p. 72). Deus não fez de Caim um “fugitivo e errante pela terra”; isso aconteceu como resultado das ações pecaminosas e desobediência de Caim. Não encontrando descanso em Deus, Caim descobriu que não poderia encontrar o verdadeiro descanso de outra maneira.

A palavra traduzida como “se agradar” (Gn 4:4) também pode ser traduzida como “olhar de perto, considerar cuidadosamente”. O foco do olhar cuidadoso e atento de Deus não é tanto a oferta, mas a atitude do ofertante. A rejeição da oferta de frutos de Caim não foi uma reação arbitrária de um Deus obstinado, mas o processo de considerar e pesar o caráter, as atitudes e as motivações de quem trazia a oferta. É uma ilustração do juízo investigativo.

8. Leia Gênesis 4:13-17 e descreva a reação de Caim ao juízo de Deus:

Gênesis 4:13-17 (ARA)2: “13 Então, disse Caim ao Senhor: É tamanho o meu castigo, que já não posso suportá-lo. 14 Eis que hoje me lanças da face da terra, e da tua presença hei de esconder-me; serei fugitivo e errante pela terra; quem comigo se encontrar me matará. 15 O Senhor, porém, lhe disse: Assim, qualquer que matar a Caim será vingado sete vezes. E pôs o Senhor um sinal em Caim para que o não ferisse de morte quem quer que o encontrasse. 16 Retirou-se Caim da presença do Senhor e habitou na terra de Node, ao oriente do Éden. 17 E coabitou Caim com sua mulher; ela concebeu e deu à luz a Enoque. Caim edificou uma cidade e lhe chamou Enoque, o nome de seu filho.”

Quando tentamos fugir da presença de Deus, ficamos inquietos. Tentamos preencher o anseio pela graça divina com coisas, relacionamentos ou com uma vida excessivamente ocupada. Caim começou a construir uma dinastia e uma cidade. Ambas são grandes conquistas e representam determinação e energia, mas se for uma dinastia sem Deus e uma cidade rebelde, no final das contas isso não significará nada.

Mesmo tendo sofrido as consequências do pecado, aceitamos o perdão oferecido na cruz?

Quinta-feira, 01 de julho de 2021. Saiba mais, faça gratuitamente um Curso Bíblico

_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Descanso em Cristo. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 505, jul. ago. set. 2021. Adulto, Professor. 
2 BÍBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s