Um Servo compassivo e sofredor (Is 49:1-12)

Lições da Bíblia1

9. Quem é o Servo de Deus em Isaías 49:1-12?

Isaías 49:1-12 (ARA)2: “1 Ouvi-me, terras do mar, e vós, povos de longe, escutai! O Senhor me chamou desde o meu nascimento, desde o ventre de minha mãe fez menção do meu nome;fez a minha boca como uma espada aguda, na sombra da sua mão me escondeu; fez-me como uma flecha polida, e me guardou na sua aljava, 3 e me disse: Tu és o meu servo, és Israel, por quem hei de ser glorificado. 4 Eu mesmo disse: debalde tenho trabalhado, inútil e vãmente gastei as minhas forças; todavia, o meu direito está perante o Senhor, a minha recompensa, perante o meu Deus. 5 Mas agora diz o Senhor, que me formou desde o ventre para ser seu servo, para que torne a trazer Jacó e para reunir Israel a ele, porque eu sou glorificado perante o Senhor, e o meu Deus é a minha força. 6 Sim, diz ele: Pouco é o seres meu servo, para restaurares as tribos de Jacó e tornares a trazer os remanescentes de Israel; também te dei como luz para os gentios, para seres a minha salvação até à extremidade da terra. Assim diz o Senhor, o Redentor e Santo de Israel, ao que é desprezado, ao aborrecido das nações, ao servo dos tiranos: Os reis o verão, e os príncipes se levantarão; e eles te adorarão por amor do Senhor, que é fiel, e do Santo de Israel, que te escolheu. 8 Diz ainda o Senhor: No tempo aceitável, eu te ouvi e te socorri no dia da salvação; guardar-te-ei e te farei mediador da aliança do povo, para restaurares a terra e lhe repartires as herdades assoladas; 9 para dizeres aos presos: Saí, e aos que estão em trevas: Aparecei. Eles pastarão nos caminhos e em todos os altos desnudos terão o seu pasto. 10 Não terão fome nem sede, a calma nem o sol os afligirá; porque o que deles se compadece os guiará e os conduzirá aos mananciais das águas. 11 Transformarei todos os meus montes em caminhos, e as minhas veredas serão alteadas. 12 Eis que estes virão de longe, e eis que aqueles, do Norte e do Ocidente, e aqueles outros, da terra de Sinim.”

A.(  ) João Batista.
B.(  ) Jesus Cristo.

Resposta sugestiva: Alternativa B.

Deus O chamou e O nomeou antes que Ele nascesse, fez de Sua boca uma espada e Nele seria glorificado. Deus usou esse Servo para trazer a nação de Israel de volta a Si, para ser uma luz ao mundo, para ser uma aliança e para libertar cativos. Há muita coincidência entre essa descrição e a de Isaías 42, na qual identificamos o Servo como o Messias. Os atributos do Servo estão em Jesus, em ambas as Suas vindas: Mt 1:21; Jo 8:12; 9:5; 17:1-5; Ap 1:16; 2:16; 19:15.

10. Se esse Servo é o Messias, por que Deus O chamou de “Israel”? Is 49:3

Isaías 49:3 “e me disse: Tu és o meu servo, és Israel, por quem hei de ser glorificado.”

Vimos que nessa seção de Isaías, o servo de Deus “Israel/Jacó” se refere à nação. Mas aqui o nome “Israel” (sem uma referência paralela a “Jacó”) se aplica claramente ao Servo individual, que restaura a nação a Deus (Is 49:5). O Servo individual torna-se a personificação ou Representante perfeito da nação cujo fracasso tinha comprometido o uso do nome “Israel” (Is 48:1).

11. Que novo elemento aparece em Isaías 49:4, 7?

Isaías 49:4, 7 (ARA): “4 Eu mesmo disse: debalde tenho trabalhado, inútil e vãmente gastei as minhas forças; todavia, o meu direito está perante o Senhor, a minha recompensa, perante o meu Deus. […] 7 Assim diz o Senhor, o Redentor e Santo de Israel, ao que é desprezado, ao aborrecido das nações, ao servo dos tiranos: Os reis o verão, e os príncipes se levantarão; e eles te adorarão por amor do Senhor, que é fiel, e do Santo de Israel, que te escolheu.

Há nesses versos o primeiro indício da difícil tarefa do Servo. Ele lamenta: “Tenho trabalhado em vão; gastei as Minhas forças por nada e à toa” (Is 49:4), uma ideia ecoada em Daniel 9:26: “o Ungido será morto e não terá nada”. Porém, Ele Se apega à fé: “Todavia, o Meu direito está diante do Senhor, a Minha recompensa está diante do Meu Deus” (Is 49:4). J. Alec Motyer observou: “Isaías profetizou sobre um Servo com uma natureza humana, testado como nós e que provou ser Ele o Autor e Consumador da fé, uma fé real e pessoal que ainda pode dizer ‘meu Deus’ quando nada mais parece valer a pena” (The Prophecy of Isaiah: An Introduction and Commentary; InterVarsity Press, p. 387).

Isaías 49:7 é incrível. O Servo é “desprezado”, “detestado pelas nações”, “Servo dos dominadores”, mas o Senhor Lhe diz: “Os reis O verão e se levantarão; os príncipes se inclinarão diante de você por amor do Senhor, que é fiel, e do Santo de Israel, que O escolheu”.

Cristo foi fiel, apesar dos motivos para desanimar. Por que devemos fazer o mesmo?

Quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021. Saiba mais, faça um Curso Bíblico

_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Isaías: Consolo para o povo de Deus. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 503, jan. fev. mar. 2021. Adulto, Professor. 
2 BÍBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s