O apelo final de Deus

Lições da Bíblia

“8. Leia Apocalipse 14:8; 17:3-6; 18:1-4. O que aprendemos sobre a Babilônia espiritual nesses versos? Assinale a alternativa correta:”1

Apocalipse 14:8 (ARA)2: “Seguiu-se outro anjo, o segundo, dizendo: Caiu, caiu a grande Babilônia que tem dado a beber a todas as nações do vinho da fúria da sua prostituição.

Apocalipse 17:3-6 (ARA)2: “3 Transportou-me o anjo, em espírito, a um deserto e vi uma mulher montada numa besta escarlate, besta repleta de nomes de blasfêmia, com sete cabeças e dez chifres. Achava-se a mulher vestida de púrpura e de escarlata, adornada de ouro, de pedras preciosas e de pérolas, tendo na mão um cálice de ouro transbordante de abominações e com as imundícias da sua prostituição. 5 Na sua fronte, achava-se escrito um nome, um mistério: Babilônia, a Grande, a Mãe das Meretrizes e das Abominações da Terra. 6 Então, vi a mulher embriagada com o sangue dos santos e com o sangue das testemunhas de Jesus; e, quando a vi, admirei-me com grande espanto.”

Apocalipse 18:1-4 (ARA)2: “1 Depois destas coisas, vi descer do céu outro anjo, que tinha grande autoridade, e a terra se iluminou com a sua glória. 2 Então, exclamou com potente voz, dizendo: Caiu! Caiu a grande Babilônia e se tornou morada de demônios, covil de toda espécie de espírito imundo e esconderijo de todo gênero de ave imunda e detestável,pois todas as nações têm bebido do vinho do furor da sua prostituição. Com ela se prostituíram os reis da terra. Também os mercadores da terra se enriqueceram à custa da sua luxúria.Ouvi outra voz do céu, dizendo: Retirai-vos dela, povo meu, para não serdes cúmplices em seus pecados e para não participardes dos seus flagelos;

A.( ) Ela se tornou santa, pura e alva como a neve.
B.( ) Ela se prostituiu com os reis e nações da Terra.

Resposta sugestiva: Alternativa B.

“No Apocalipse, o termo ‘Babilônia’ representa um falso sistema religioso fundamentado em obras humanas, tradições de homens e falsas doutrinas. Esse termo exalta o ser humano e sua justiça própria acima de Jesus e de Sua vida sem pecado. Coloca os mandamentos de mestres religiosos acima dos mandamentos de Deus. Babilônia era o centro da idolatria, da adoração ao Sol e do falso ensino da imortalidade da alma. Esse falso sistema religioso sutilmente integrou muitas das práticas religiosas da Babilônia antiga em seu culto. A mensagem de Deus para os últimos dias deste planeta agonizante é a verdade de Jesus e de Sua justiça. Ela ecoa o apelo do Céu: ‘Caiu! Caiu a grande Babilônia […]. Retirai-vos dela, povo Meu’ (Ap 18:2, 4). Deus levantou a Igreja Adventista do Sétimo Dia para exaltar a mensagem de Cristo em toda a sua plenitude. Exaltar Jesus é exaltar tudo o que Ele ensinou. É proclamar Aquele que é ‘o caminho, e a verdade, e a vida’ (Jo 14:6). É expor os erros de Babilônia em contraste com as verdades de Cristo.”1

“9. Leia Apocalipse 14:7, 9-11. Quais distintos objetos de adoração foram destacados nesses versos?”1

Apocalipse 14:7, 9-11 (ARA)2: “7 dizendo, em grande voz: Temei a Deus e dai-lhe glória, pois é chegada a hora do seu juízo; e adorai aquele que fez o céu, e a terra, e o mar, e as fontes das águas.  […] 9 Seguiu-se a estes outro anjo, o terceiro, dizendo, em grande voz: Se alguém adora a besta e a sua imagem e recebe a sua marca na fronte ou sobre a mão, 10 também esse beberá do vinho da cólera de Deus, preparado, sem mistura, do cálice da sua ira, e será atormentado com fogo e enxofre, diante dos santos anjos e na presença do Cordeiro. 11 A fumaça do seu tormento sobe pelos séculos dos séculos, e não têm descanso algum, nem de dia nem de noite, os adoradores da besta e da sua imagem e quem quer que receba a marca do seu nome. 12 Aqui está a perseverança dos santos, os que guardam os mandamentos de Deus e a fé em Jesus.”

“Apocalipse 14 descreve dois atos diferentes de adoração – a adoração ao Criador e a adoração à besta. Esses dois atos de adoração se concentram no dia de adoração de Deus, o verdadeiro sábado, e um sábado substituto ou falso. O sábado representa o descanso, a certeza e a segurança que temos em Cristo, nosso Criador, Redentor e Rei vindouro. O dia falso representa um substituto humano e falsificado, fundamentado na razão humana e em decretos feitos pelo ser humano.”1

“Leia Apocalipse 14:12 [‘Aqui está a perseverança dos santos, os que guardam os mandamentos de Deus e a fé em Jesus.’]. O que esse texto revela, especialmente no contexto dos versos anteriores? Como a Lei e a graça são reveladas nesse texto? Por que elas são dois aspectos inseparáveis do evangelho?”1

Quinta-feira, 17 de setembro de 2020. Saiba mais, faça um Curso Bíblico

_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Fazendo amigos para Deus: A alegria de participar de Sua missão. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 501, jul. ago. set. 2020. Adulto, Professor. 
2 BÍBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s