Plano para um mundo melhor – Estudo adicional

Lições da Bíblia

Textos de Ellen G. White: Patriarcas e Profetas, p. 303-314 (“Israel Recebe a Lei”); p. 530-536 (“O Cuidado de Deus para com os Pobres”).

“Depois do reconhecimento dos direitos de Deus, nada há que mais caracterize as leis dadas por Moisés do que o espírito liberal, afetuoso e hospitaleiro ordenado para com os pobres. Embora Deus houvesse prometido abençoar grandemente Seu povo, não era Seu desígnio que a pobreza fosse inteiramente desconhecida entre eles. Ele declarou que os pobres nunca se acabariam na Terra. Sempre haveria entre Seu povo os que poriam em ação a compaixão, ternura e benevolência deles. Naquele tempo, como agora, as pessoas estavam sujeitas a contratempos, enfermidade e perda de propriedade. Entretanto, enquanto seguiram as instruções dadas por Deus, não houve mendigos entre eles, nem qualquer que sofresse fome” (Ellen G. White, Patriarcas e Profetas, p. 530, 531).1

“Aqueles estatutos destinavam-se a abençoar os ricos não menos que os pobres. Restringiriam a avareza e a disposição para a exaltação própria e cultivariam um espírito nobre e de beneficência; e, alimentando a boa vontade e a confiança entre todas as classes, promoveriam a ordem social e a estabilidade do governo. Nós nos achamos todos entretecidos na grande trama da humanidade, e o que quer que possamos fazer para beneficiar e elevar os outros refletirá em bênçãos a nós mesmos” (Patriarcas e Profetas, p. 534, 535).1

Perguntas para discussão

“1. Do plano de Deus para Israel, qual lei ou estatuto chama sua atenção?”1

“2. Nas leis de Deus para Seu povo, por que Ele Se concentra tanto nos mais vulneráveis?”1

“3. Como devemos entender essas leis hoje? Quais delas são relevantes para nós? O que aprendemos com essas instruções a respeito da maneira pela qual os israelitas deveriam ordenar sua sociedade e sua vida?”1

Resumo:

“Deus ouviu o clamor do povo de Israel no Egito e interveio para resgatá-lo. Ele desenvolveu uma aliança especial com eles e trabalhou com eles para estabelecer uma nova sociedade abençoada, mesmo para os esquecidos, marginalizados e vulneráveis.”1

Sexta-feira, 12 de julho de 2019. Saiba mais, faça um Curso Bíblico

_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. “Mesus pequeninos irmãos”: servindo aos necessitados. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 496, jul. ago. set. 2019. Adulto, Professor. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s