Sacrifício supremo

Lições da Bíblia

“Estudar o supremo sacrifício de Cristo contribui muito para a preparação dos cristãos para o tempo do fim. Muitas vezes, o ser humano olha para o alvo à sua frente, e isso faz sentido. Mas também é bom perceber que o alvo, nesse caso o Calvário, ficou para trás. O alvo que Jesus alcançou por nós é irrevogável, definitivo e nos dá a certeza também quanto ao alvo adiante de nós.”1

“1. De acordo com Romanos 8:3; 1 Timóteo 1:17; 6:16 e 1 Coríntios 15:53, por que Deus enviou Seu Filho ao mundo?”1

Romanos (8:3 ARA)2: “Porquanto o que fora impossível à lei, no que estava enferma pela carne, isso fez Deus enviando o seu próprio Filho em semelhança de carne pecaminosa e no tocante ao pecado; e, com efeito, condenou Deus, na carne, o pecado,”.

1 Timóteo (1:17 ARA)2: “Assim, ao Rei eterno, imortal, invisível, Deus único, honra e glória pelos séculos dos séculos. Amém!”.

1 Timóteo (6:16 ARA)2: “o único que possui imortalidade, que habita em luz inacessível, a quem homem algum jamais viu, nem é capaz de ver. A ele honra e poder eterno. Amém!”.

1 Coríntios (15:53 ARA)2: “Porque é necessário que este corpo corruptível se revista da incorruptibilidade, e que o corpo mortal se revista da imortalidade.”.

“Deus enviou Cristo para ser uma oferta pelo pecado, a fim de condenar o pecado na carne. O que isso significa? Como um Ser imortal, Jesus não podia morrer. Portanto, o Senhor Se tornou um ser humano, levando sobre Si nossa mortalidade, para que, de fato, pudesse morrer como nosso substituto.”1

“Embora fosse divino e Deus por natureza, Jesus assumiu a ‘semelhança de homens’ e Se humilhou, ‘tornando-Se obediente até à morte e morte de cruz’ (Fp 2:6-8). De uma forma conhecida apenas por Deus, a divindade de Cristo não morreu quando Jesus morreu na cruz. De um modo além da compreensão humana, a divindade de Jesus ficou inativa durante os nove meses no útero de Sua mãe e também nos dias em que passou no túmulo. Além disso, Jesus nunca a usou como auxílio à Sua humanidade durante Sua vida e ministério na Terra.”1

“2. O que Lucas 9:22 revela sobre a intencionalidade da morte de Cristo? Complete as lacunas:”1

Lucas (9:22 ARA)2: “dizendo: É necessário que o Filho do Homem sofra muitas coisas, seja rejeitado pelos anciãos, pelos principais sacerdotes e pelos escribas; seja morto e, no terceiro dia, ressuscite.”.

“É necessário que o Filho do Homem _________________ muitas coisas, seja __________________ pelos anciãos, pelos principais ______________ e pelos escribas; seja _____________ e, no terceiro dia, _____________” (Lc 9:22).1

“Cristo nasceu para morrer. Podemos imaginar que nunca houve sequer um momento na eternidade em que Ele não pensasse na zombaria, nos açoites, nas surras e na desoladora crucifixão que enfrentaria na Terra. Esse amor é incomparável; jamais foi testemunhado antes e não é compreendido totalmente.”1

“O que podemos fazer diante desse amor, senão cair de joelhos e adorar o Senhor em fé e obediência? O que a cruz revela sobre a indignidade do mérito humano?”1

Domingo, 29 de abril de 2018. Saiba mais, ouça o Comentário em áudio  da Lição da Escola Sabatina (LES) ou se preferir faça um Curso Bíblico.
_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Preparação para o tempo do fim. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 492, abr. maio jun. 2018. Adulto, Professor.
2 BIBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s