Salvo da morte

Lições da Bíblia

9 Leia Romanos 7:21-23. Você tem experimentado essa mesma luta em sua vida?

Romanos (7:21-23 ARA)2: “21 Então, ao querer fazer o bem, encontro a lei de que o mal reside em mim. 22 Porque, no tocante ao homem interior, tenho prazer na lei de Deus; 23 mas vejo, nos meus membros, outra lei que, guerreando contra a lei da minha mente, me faz prisioneiro da lei do pecado que está nos meus membros.

“Nessa passagem, Paulo equiparou a lei em seus membros (seu corpo) à lei do pecado. Ele disse que serviu, ‘segundo a carne’, à ‘lei do pecado’ (Rm 7:25). Porém, servir ao pecado e obedecer à sua lei significa morte (veja Rm 7:10, 11, 13). Portanto, enquanto seu corpo funcionava em obediência ao pecado, ele podia ser descrito adequadamente como ‘o corpo desta morte’.”1

“A lei da mente é a lei de Deus, a revelação da Sua vontade. Sob a convicção do Espírito Santo, Paulo consentiu com essa lei. Sua mente decidiu guardá-la, mas quando ele tentou fazer isso, não conseguiu porque seu corpo desejava pecar. Quem já não sentiu essa mesma luta? Em sua mente, você sabe o que deseja fazer, mas seu corpo clama por algo diferente.”1

10 De acordo com Romanos 7:24, 25, como podemos ser resgatados dessa situação difícil em que nos encontramos? Assinale a alternativa correta:

 Romanos (7:24, 25 ARA)2: “24 Desventurado homem que sou! Quem me livrará do corpo desta morte? 25 Graças a Deus por Jesus Cristo, nosso Senhor. De maneira que eu, de mim mesmo, com a mente, sou escravo da lei de Deus, mas, segundo a carne, da lei do pecado.

A.( ) Mediante nossas boas obras.
B.( ) Por meio de Jesus Cristo.

Resposta sugestiva: Alternativa B.

“Alguns têm se perguntado por que, depois de alcançar o glorioso clímax na expressão ‘Graças a Deus por Jesus Cristo, nosso Senhor’, Paulo se referiu mais uma vez às lutas espirituais das quais, aparentemente, ele tinha sido libertado. Alguns entendem a expressão de ação de graças como uma exclamação entre parêntesis. Eles acreditam que essa exclamação segue naturalmente o clamor: ‘Quem me livrará’? Sustentam que, antes de prosseguir com uma discussão prolongada sobre a gloriosa libertação (Rm 8), Paulo resumiu o que ele havia dito nos versículos anteriores e reconheceu, mais uma vez, o conflito contra as forças do pecado.”1

“Outros têm sugerido que, com a expressão ‘eu, de mim mesmo’ Paulo quis dizer ‘entregue a mim mesmo, deixando Cristo fora da questão’. Seja qual for o entendimento de Romanos 7:24, 25, um ponto deve permanecer claro: sozinhos, sem Cristo, somos impotentes contra o pecado. Com Cristo, temos nova vida nEle, e embora o eu sempre apareça, as promessas de vitória são nossas se escolhermos reivindicá-las. Assim como ninguém pode respirar, tossir ou espirrar por você, ninguém pode escolher se render a Cristo por você. Só você pode fazer essa escolha. Não há outra maneira de obter as vitórias prometidas a nós em Jesus.”1

Além de orar, o que mais você pode fazer pelos amigos que estão assistindo ao evangelismo em sua igreja?

Quinta-Feira, 23 de novembro de 2017. Saiba mais, ouça o Comentário em áudio  da Lição da Escola Sabatina (LES) ou se preferir faça um Curso Bíblico.
_______________
1 LIÇÃO da escola sabatina. Salvação somente pela fé: o livro de Romanos. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 490, Out. Nov. Dez. 2017. Adulto, Professor.
2 BIBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s