O juízo e o povo de Deus

Lições da Bíblia

“5. Compare 1 Pedro 4:17-19 com Isaías 10:11, 12 Malaquias 3:1-6. O que essas passagens têm em comum? Assinale a alternativa correta:”

“17 Porque a ocasião de começar o juízo pela casa de Deus é chegada; ora, se primeiro vem por nós, qual será o fim daqueles que não obedecem ao evangelho de Deus? 18 E, se é com dificuldade que o justo é salvo, onde vai comparecer o ímpio, sim, o pecador? 19 Por isso, também os que sofrem segundo a vontade de Deus encomendem a sua alma ao fiel Criador, na prática do bem.” (1 Pedro 4:17-19 ARA)2. “11 Porventura, como fiz a Samaria e aos seus ídolos, não o faria igualmente a Jerusalém e aos seus ídolos? 12 Por isso, acontecerá que, havendo o Senhor acabado toda a sua obra no monte Sião e em Jerusalém, então, castigará a arrogância do coração do rei da Assíria e a desmedida altivez dos seus olhos;” (Isaías 10:11-12 ARA)2. “1 Disse eu: Ouvi, agora, vós, cabeças de Jacó, e vós, chefes da casa de Israel: Não é a vós outros que pertence saber o juízo? 2 Os que aborreceis o bem e amais o mal; e deles arrancais a pele e a carne de cima dos seus ossos; 3 que comeis a carne do meu povo, e lhes arrancais a pele, e lhes esmiuçais os ossos, e os repartis como para a panela e como carne no meio do caldeirão? 4 Então, chamarão ao SENHOR, mas não os ouvirá; antes, esconderá deles a sua face, naquele tempo, visto que eles fizeram mal nas suas obras. 5 Assim diz o SENHOR acerca dos profetas que fazem errar o meu povo e que clamam: Paz, quando têm o que mastigar, mas apregoam guerra santa contra aqueles que nada lhes metem na boca. 6 Portanto, se vos fará noite sem visão, e tereis treva sem adivinhação; pôr-se-á o sol sobre os profetas, e sobre eles se enegrecerá o dia.” (Malaquias 3:1-6 ARA)2.

A. ( ) Mencionam as joias de ouro e prata do povo de Israel.
B. ( ) Falam dos deveres dos levitas.
C. ( ) O fato de que o juízo começará pela casa de Israel.

Resposta sugestiva: Alternativa C.

“Todas essas passagens descrevem que o processo do juízo começaria pelo povo do Senhor. Pedro relacionou até mesmo os sofrimentos de seus leitores ao juízo de Deus. Para ele, os sofrimentos que os cristãos estavam enfrentando poderiam ser pura e simplesmente o juízo do Senhor, que se iniciaria pela casa de Deus. ‘Por isso, também os que sofrem segundo a vontade de Deus encomendem a sua alma ao fiel Criador, na prática do bem’ (1Pe 4:19).”

“6 Como Lucas 18:1-8 auxilia na compreensão do juízo de Deus?”1

“1 Disse-lhes Jesus uma parábola sobre o dever de orar sempre e nunca esmorecer: 2 Havia em certa cidade um juiz que não temia a Deus, nem respeitava homem algum. 3 Havia também, naquela mesma cidade, uma viúva que vinha ter com ele, dizendo: Julga a minha causa contra o meu adversário. 4 Ele, por algum tempo, não a quis atender; mas, depois, disse consigo: Bem que eu não temo a Deus, nem respeito a homem algum; 5 todavia, como esta viúva me importuna, julgarei a sua causa, para não suceder que, por fim, venha a molestar-me. 6 Então, disse o Senhor: Considerai no que diz este juiz iníquo. 7 Não fará Deus justiça aos seus escolhidos, que a ele clamam dia e noite, embora pareça demorado em defendê-los? 8 Digo-vos que, depressa, lhes fará justiça. Contudo, quando vier o Filho do Homem, achará, porventura, fé na terra?” (Lucas 18:1-8 ARA)2.

“Nos tempos bíblicos, o juízo geralmente era algo muito desejado. A imagem da viúva pobre, em Lucas 18:1-8, expressa a mais ampla atitude em relação ao juízo. Aquela mulher sabia que seria vitoriosa somente se encontrasse um juiz que aceitasse seu caso. Ela não tinha dinheiro nem status suficiente para levar seu caso adiante, mas finalmente convenceu o juiz a ouvi-la e a dar-lhe o que merecia. Como disse Jesus em Lucas 18:7: ‘Não fará Deus justiça aos Seus escolhidos, que a Ele clamam dia e noite, embora pareça demorado em defendê-los?‘ O pecado trouxe o mal ao mundo. O povo de Deus tem esperado ao longo dos séculos que Ele conserte as coisas.”1

Quem não temerá e não glorificará o Teu nome, ó Senhor? Pois só Tu és santo; por isso, todas as nações virão e adorarão diante de Ti, porque os Teus atos de justiça se fizeram manifestos” (Ap 15:4).1

“Pense em todo o mal que não recebeu sua punição. Por que os conceitos de justiça e do justo juízo de Deus são tão essenciais para os cristãos? Que esperança temos de que a justiça será feita?

Quarta-feira, 03 de maio de 2017. Saiba mais, ouça o Comentário em áudio  da Lição da Escola Sabatina (LES) ou se preferir faça um Curso Bíblico.

_______________

1MCLVER, Robert K. Apascenta as Minhas ovelhas: 1 e 2 Pedro. Lições da escola sabatina. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 488, Abr. Mai. Jun. 2017. Adulto, Professor.

2 BIBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s