A atuação misteriosa do Espírito Santo

Lições da Bíblia

“1. Leia João 3:3-8 e Ezequiel 37:5, 9. Por que o vento é uma ilustração apropriada para a atuação misteriosa do Espírito Santo? Assinale “V” para verdadeiro e “F” para falso:”1

“3 A isto, respondeu Jesus: Em verdade, em verdade te digo que, se alguém não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus. 4 Perguntou-lhe Nicodemos: Como pode um homem nascer, sendo velho? Pode, porventura, voltar ao ventre materno e nascer segunda vez? 5 Respondeu Jesus: Em verdade, em verdade te digo: quem não nascer da água e do Espírito não pode entrar no reino de Deus. 6 O que é nascido da carne é carne; e o que é nascido do Espírito é espírito. 7 Não te admires de eu te dizer: importa-vos nascer de novo. 8 O vento sopra onde quer, ouves a sua voz, mas não sabes donde vem, nem para onde vai; assim é todo o que é nascido do Espírito.” (João 3:3-8 ARA)2. “5 Assim diz o SENHOR Deus a estes ossos: Eis que farei entrar o espírito em vós, e vivereis. […] 9 Então, ele me disse: Profetiza ao espírito, profetiza, ó filho do homem, e dize-lhe: Assim diz o SENHOR Deus: Vem dos quatro ventos, ó espírito, e assopra sobre estes mortos, para que vivam.” (Ezequiel 37:5, 9 ARA)2.

(   ) O Espírito é um sopro; portanto, um vento.

(   ) Assim como não sabemos para onde vai o vento nem de onde ele vem, assim também ocorre com os nascidos do Espírito.

Resposta: A (F); B (V).

“Ao comparar as ações do Espírito Santo com as do vento, Jesus descreveu a atuação misteriosa do Espírito. Há algo misterioso nos movimentos do vento. É difícil prever com exatidão de onde ele vem e para onde vai. Quem já não ficou perplexo com a súbita manifestação do vento que, aparentemente, surgiu do nada?”1

“Entretanto, podemos nos tornar relativamente familiarizados com os movimentos e padrões do vento. De maneira semelhante, o Espírito Santo atua onde Ele quer. Ninguém pode controlá-Lo, mas podemos saber onde Ele está atuando. O Espírito Santo é invisível como o vento, mas pode ser muito poderoso. Ainda que não possamos ver o próprio vento, naturalmente, podemos sentir sua presença e muitas vezes ver seu efeito. Desde uma leve brisa até as rajadas mortais, o vento pode ser uma força muito poderosa. Quando o Espírito Santo é descrito como o vento, Sua atuação tem sido relacionada à ideia de trazer vida aos mortos. Isso pressupõe poder à potência máxima, algo que somente Deus é capaz de realizar.”1

“A maneira pela qual isso é realizado permanece um mistério. Deus e Sua atuação mediante o Espírito Santo estão além do que podemos compreender plenamente, assim como muitas coisas seculares e sagradas.”1

“Isso não significa que seja impossível saber o que o Espírito Santo realiza. Mas devemos reconhecer que a virtude apropriada para lidar com os mistérios divinos é a humildade. Essa atitude nos faz reconhecer a grandeza de Deus e as nossas limitações como criaturas. Ela nos faz admitir a necessidade que temos da revelação divina.”1

“Ellen G. White declarou apropriadamente: ‘Os mistérios da Bíblia, longe de ser um argumento contra ela, acham-se entre as maiores evidências de sua inspiração divina. Se não contivesse outras referências a Deus, mas somente o que podemos compreender; se Sua grandeza e majestade pudessem ser compreendidas pela mente finita, então a Bíblia não teria infalíveis evidências de sua origem divina, como tem’ (Educação, p. 170).”1

“Quais forças invisíveis da natureza podem impactar nossa vida? O que isso nos ensina sobre a realidade das influências invisíveis mas poderosas em nosso mundo?”1

Fortaleça sua experiência com Deus. Acesse o site reavivados.org/

Domingo, 08 de janeiro de 2017. Saiba mais, ouça o Comentário em áudio  da Lição da Escola Sabatina (LES) ou se preferir faça um Curso Bíblico.

_______________
1HASEL, Frank. O Espírito Santo e a espiritualiadade. Lições da escola sabatina. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 487, Jan. Fev. Mar. 2017. Adulto, Professor.

2 BIBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s