Consoladores miseráveis

Lições da Bíblia

“Mesmo após a poderosa declaração de fé feita por Jó (Jó 13:15, 16), a discussão continuava. Ao longo de muitos capítulos, aqueles homens debateram questões profundas e importantes sobre Deus, o pecado, a morte, a justiça, os ímpios, a sabedoria, e a natureza transitória da humanidade.”1

1. Que verdades são expressas nos seguintes textos?

Jó 13:28 – “apesar de eu ser como uma coisa podre que se consome e como a roupa que é comida da traça.2

Jó 15:14-16 – “14 Que é o homem, para que seja puro? E o que nasce de mulher, para ser justo? 15 Eis que Deus não confia nem nos seus santos; nem os céus são puros aos seus olhos, 16 quanto menos o homem, que é abominável e corrupto, que bebe a iniqüidade como a água!2

Jó 19:25-27 – “25 Porque eu sei que o meu Redentor vive e por fim se levantará sobre a terra. 26 Depois, revestido este meu corpo da minha pele, em minha carne verei a Deus. 27 Vê-lo-ei por mim mesmo, os meus olhos o verão, e não outros; de saudade me desfalece o coração dentro de mim.2

Jó 28:28 – “E disse ao homem: Eis que o temor do Senhor é a sabedoria, e o apartar-se do mal é o entendimento.2

“O debate continuou por todos esses capítulos e nenhum lado se rendia. Elifaz, Bildade e Zofar, cada um em sua própria maneira, com seus próprios objetivos, não arrefeciam em seu argumento de que as pessoas recebiam o que mereciam na vida. Portanto, o que havia acontecido com Jó só podia ser um castigo justo pelos seus pecados. Enquanto isso, Jó continuava a lamentar seu destino cruel, certo de que ele não merecia aquele sofrimento. Eles discutiam sem cessar; cada ‘consolador’ acusava Jó de dizer palavras vãs e inúteis e Jó também os acusava.”1

“No fim das contas, nenhum deles, nem Jó, compreendia o que estava acontecendo. Como podiam compreender? Eles falavam a partir da perspectiva limitada que todos os seres humanos têm. Se podemos aprender uma lição do livro de Jó (que deveria ser óbvia neste momento, especialmente depois de todos os discursos daqueles homens), é que nós, seres humanos, precisamos ter humildade quando professamos falar de Deus e de Sua atuação. Podemos ter algum conhecimento da verdade, talvez até muito, mas às vezes, como no caso daqueles três homens, pode ser que não saibamos necessariamente a melhor forma de aplicar as verdades que conhecemos.”1

“Olhe para o mundo natural. Por que só esse fato já nos revela quanto nosso conhecimento é limitado, até mesmo em relação às coisas mais simples?”1

Domingo, 27 de novembro de 2016. Saiba mais, ouça o Comentário em áudio  da Lição da Escola Sabatina (LES) ou se preferir faça um Curso Bíblico.
__________________
1 LIÇÕES da escola sabatina. O livro de Jó. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 486, Out. Nov. Dez. 2016. Adulto, Professor.

2 BIBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s