Quebrando a botija

Lições da Bíblia

“Como vimos ontem, a nação havia caído em profunda apostasia. O povo não estava entendendo a mensagem. Então, Deus usou Jeremias para realizar um convincente ato simbólico que deveria ajudar a despertá-lo para o perigo que estava enfrentando.”1

“5. Leia Jeremias 19:1-15. O que o profeta devia fazer e qual era o significado desse ato?”1 “1 Assim diz o SENHOR: Vai, compra uma botija de oleiro e leva contigo alguns dos anciãos do povo e dos anciãos dos sacerdotes; 2 sai ao vale do filho de Hinom, que está à entrada da Porta do Oleiro, e apregoa ali as palavras que eu te disser; 3 e dize: Ouvi a palavra do SENHOR, ó reis de Judá e moradores de Jerusalém. Assim diz o SENHOR dos Exércitos, o Deus de Israel: Eis que trarei mal sobre este lugar, e quem quer que dele ouvir retinir-lhe-ão os ouvidos. 4 Porquanto me deixaram e profanaram este lugar, queimando nele incenso a outros deuses, que nunca conheceram, nem eles, nem seus pais, nem os reis de Judá; e encheram este lugar de sangue de inocentes; 5 e edificaram os altos de Baal, para queimarem os seus filhos no fogo em holocaustos a Baal, o que nunca lhes ordenei, nem falei, nem me passou pela mente. 6 Por isso, eis que vêm dias, diz o SENHOR, em que este lugar já não se chamará Tofete, nem vale do filho de Hinom, mas o vale da Matança. 7 Porque dissiparei o conselho de Judá e de Jerusalém neste lugar e os farei cair à espada diante de seus inimigos e pela mão dos que procuram tirar-lhes a vida; e darei o seu cadáver por pasto às aves dos céus e aos animais da terra. 8 Porei esta cidade por espanto e objeto de assobios; todo aquele que passar por ela se espantará e assobiará, por causa de todas as suas pragas. 9 Fá-los-ei comer as carnes de seus filhos e as carnes de suas filhas, e cada um comerá a carne do seu próximo, no cerco e na angústia em que os apertarão os seus inimigos e os que buscam tirar-lhes a vida. 10 Então, quebrarás a botija à vista dos homens que foram contigo 11 e lhes dirás: Assim diz o SENHOR dos Exércitos: Deste modo quebrarei eu este povo e esta cidade, como se quebra o vaso do oleiro, que não pode mais refazer-se, e os enterrarão em Tofete, porque não haverá outro lugar para os enterrar. 12 Assim farei a este lugar, diz o SENHOR, e aos seus moradores; e farei desta cidade um Tofete. 13 As casas de Jerusalém e as casas dos reis de Judá serão imundas como o lugar de Tofete; também todas as casas sobre cujos terraços queimaram incenso a todo o exército dos céus e ofereceram libações a outros deuses. 14 Voltando, pois, Jeremias de Tofete, lugar para onde o enviara o SENHOR a profetizar, se pôs em pé no átrio da Casa do SENHOR e disse a todo o povo: 15 Assim diz o SENHOR dos Exércitos, o Deus de Israel: Eis que trarei sobre esta cidade e sobre todas as suas vilas todo o mal que pronunciei contra ela, porque endureceram a cerviz, para não ouvirem as minhas palavras.1 (Jeremias 19:1-15 ARA)2. “Jeremias devia ir a uma olaria, comprar uma botija e levar consigo alguns dos anciãos do povo e dos sacerdotes; devia sair para o vale do filho de Hinom, perto da Porta do Oleiro e, ali, quebrar a botija, que representava o povo e a cidade. Esse ato simbolizava que o juízo de Deus era irreversível.1

“Jeremias tinha que voltar à casa do oleiro. Dessa vez, porém, o Senhor desejava Se certificar de que ele traria testemunhas consigo para ver exatamente o que ele iria fazer. As testemunhas eram os anciãos e sacerdotes de Judá (Jr 19:1). Como líderes, eles eram responsáveis pelo que acontecia na nação e, assim, precisavam entender a mensagem que Jeremias devia transmitir a eles por meio de seu ato simbólico. A Porta do Oleiro (ou Porta dos Cacos, NVI; Jr 19:2), onde ele devia quebrar a botija, talvez ficasse perto do local em que os oleiros trabalhavam, e logo depois da porta podia estar o local onde eles jogavam os cacos dos vasos quebrados. Assim, o simbolismo tornou-se ainda mais forte.”1

“Para que serve uma botija de barro quebrada? Se a botija estivesse rachada, ainda se poderia achar alguma utilidade para ela, mesmo que não fosse o propósito original para o qual havia sido feita. Mas Jeremias não devia apenas fazer uma rachadura nela. Devia quebrá-la, tornando-a essencialmente inútil. Entre o ato em si e as palavras que se seguiram, é difícil imaginar que as pessoas pudessem não ter entendido a advertência. Mas, é claro, entender a advertência e agir de conformidade com ela são duas coisas completamente diferentes.”1

“Ainda mais assustadora é a condição aparentemente irremediável do ato. Quem pode consertar uma vasilha quebrada? Embora o Senhor tenha dado à nação uma esperança e um futuro, naquele momento, a menos que se convertessem, os habitantes da Judeia estavam condenados, juntamente com seus filhos. Todos os locais que eles haviam contaminado com suas abominações e atos pecaminosos logo seriam contaminados com seus próprios cadáveres. Talvez a extensão da depravação do povo possa ser mais bem entendida pela dimensão do castigo que ela ocasionou a eles.”1

“Pense em algo estragado, que não tenha conserto. Para que, originalmente, esse objeto foi feito, e o que aconteceu para que ele tenha ficado inútil? Precisamos ter muito cuidado para que isso não aconteça conosco!”1

Quarta-feira, 04 nobembro de 2015 . Saiba mais, ouça o Comentário em áudio  da Lição da Escola Sabatina (LES) ou se preferir faça um Curso Bíblico.

__________________

1 LIÇÕES da escola sabatina. Jeremias. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 482, Out. Nov. Dez. 2015. Adulto, Professor.

2 BIBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s