Crise de liderança – Estudo adicional

Lições da Bíblia1

“Práticas iníquas tinham se tornado tão predominantes entre todas as classes que os poucos que permaneciam fiéis a Deus eram muitas vezes tentados a perder o ânimo, dando lugar ao desencorajamento e desespero. Parecia que o plano de Deus para Israel estava à beira do fracasso total, e a nação rebelde fosse receber o mesmo destino de Sodoma e Gomorra.

“Diante de tais condições, não é de admirar que Isaías tenha hesitado em assumir a responsabilidade, quando Deus o chamou, durante o último ano do reinado de Uzias, para levar a Judá as mensagens de advertência e reprovação. Ele sabia muito bem que encontraria uma obstinada resistência. Considerando a própria incapacidade para enfrentar a situação e levando em conta a rebeldia e incredulidade do povo pelo qual ia trabalhar, sua tarefa pareceu-lhe impossível de ser realizada. Deveria ele em desespero renunciar à sua missão, deixando Judá entregue à idolatria? Deveriam os deuses de Nínive reger a Terra, desafiando o Deus do Céu?” (Ellen G. White, Profetas e Reis, p. 306, 307).

Perguntas para consideração

1. Se um cético ou ateu o desafiasse com a pergunta: “Como você pode provar que seu Deus está no comando?”, o que você responderia?

2. Se Deus está no comando, por que pessoas inocentes sofrem? Será que Isaías 1:19, 20 significa que apenas coisas boas acontecerão aos fiéis e somente coisas ruins ocorrerão aos rebeldes? (Jó 1; 2; Sl 37; 73). Como podemos conciliar nossa compreensão do caráter de Deus com o mal que acontece às pessoas?

3. Em Isaías 6, por que existem tantas conexões com o Dia da Expiação? Considere o fato de que nesse dia de juízo anual Deus limpava Seu povo, purificando do pecado os fiéis (Lv 16:30) e eliminando os infiéis (Lv 23:29, 30).

Sexta-feira, 08 de janeiro de 2021. Saiba mais, faça um Curso Bíblico

_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Isaías: Consolo para o povo de Deus. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 503, jan. fev. mar. 2021. Adulto, Professor. 

Crise de liderança

Lições da Bíblia1

“No ano da morte do rei Uzias, eu vi o Senhor assentado sobre um alto e sublime trono, e as abas de Suas vestes enchiam o templo” (Is 6:1).

Ao ser questionado por um de seus discípulos acerca do que era necessário a um bom governo, Confúcio respondeu: “Comida suficiente, armas suficientes e a confiança do povo”.

“‘Mas’, perguntou o discípulo, ‘imagine que você não tenha escolha senão dispensar um desses três, ao que você renunciaria?’”

“Armas”, disse Confúcio.

O discípulo dele insistiu: “Imagine então que você fosse forçado a dispensar um dos dois que restaram, qual seria sua renúncia?”

Confúcio respondeu: “Comida, pois desde a antiguidade a fome tem sido a sina de todos os homens, mas um povo que não confia mais em seus governantes de fato está perdido” (Editado por Michael P. Green, 1500 Illustrations for Biblical Preaching; Grand Rapids, MI: Baker Books, 1989, p. 215).

As pessoas querem uma liderança forte e confiável. Quando um soldado estava se inscrevendo para um segundo período de serviço militar, o recrutador do exército perguntou por que ele queria se alistar novamente. “Tentei a vida civil”, disse ele, “mas ninguém está no comando ali”.

Nesta semana, examinaremos a crise de liderança de Judá e os tristes resultados que se seguiram.

Sábado, 02 de janeiro de 2021. Saiba mais, faça um Curso Bíblico

_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Isaías: Consolo para o povo de Deus. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 503, jan. fev. mar. 2021. Adulto, Professor. 

Um modo emocionante de se envolver

Lições da Bíblia

“E, então, Se dirigiu a Seus discípulos: A seara, na verdade, é grande, mas os trabalhadores são poucos. Rogai, pois, ao Senhor da seara que mande trabalhadores para a Sua seara” (Mt 9:37, 38).1

“Dizem que ‘a união faz a força’. Em certo sentido, isso é verdade. Você já reparou que nos motivamos muito mais a fazer exercício físico se estivermos com um grupo de pessoas do que se tivermos que nos exercitar sozinhos todos os dias? De maneira semelhante, Deus nos criou para a comunhão. Somos seres sociais e, assim como no exercício físico, acontece com muitas coisas na vida: fazemos melhor se tivermos um sistema de apoio. Isso é especialmente verdade em relação às questões espirituais.”1

“Em toda a Bíblia, a comunidade e os pequenos grupos são destacados como um dos métodos de Deus para fortalecer nossa fé, aumentar nosso conhecimento de Sua palavra, aprofundar nossa vida de oração e nos habilitar a testemunhar. O Pai, o Filho e o Espírito Santo participam de uma liderança compartilhada e integrada para o ministério. Moisés aprendeu a compartilhar a liderança com líderes de grupos menores. Jesus estabeleceu um grupo pequeno de discípulos, e o apóstolo Paulo viajou pelo mundo romano com seu grupo de evangelistas.”1

“No estudo desta semana, enfocaremos o fundamento bíblico para a vida em comunidade e liderança compartilhada, que se reflete nos pequenos grupos modernos. Você descobrirá um modo emocionante de se envolver.”1

Sábado, 29 de agosto de 2020. Saiba mais, faça um Curso Bíblico

_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Fazendo amigos para Deus: A alegria de participar de Sua missão. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 501, jul. ago. set. 2020. Adulto, Professor. 

Líderes em Israel – Estudo adicional

Lições da Bíblia

Texto de Ellen G. White: Caminho a Cristo, p. 93-104 (“O Privilégio da Oração”).

“A obra de restauração e reforma realizada pelos que voltaram do exílio sob a liderança de Zorobabel, Esdras e Neemias apresenta o quadro de uma obra de restauração espiritual que deve ocorrer nos últimos dias da história da Terra. O remanescente de Israel era um povo débil, exposto aos ataques dos seus inimigos; mas por intermédio dele Deus Se propôs a preservar na Terra o Seu conhecimento e de Sua lei. Eles foram os guardiões do verdadeiro culto, os guardadores dos santos oráculos. Variadas foram as experiências que tiveram na reconstrução do templo e dos muros de Jerusalém; forte foi a oposição que tiveram de enfrentar. Pesada foi a carga levada pelos líderes nessa obra; mas esses homens prosseguiram com inabalável fé, em humildade de espírito, e com firme confiança em Deus, crendo que Ele levaria Sua vontade ao triunfo. Como o rei Ezequias, Neemias ‘se apegou ao Senhor, não deixou de segui-Lo e guardou os mandamentos que o Senhor ordenara a Moisés. Assim, foi o Senhor com ele’” (2Rs 18:6, 7; Ellen G. White, Profetas e Reis, p. 677).1

Perguntas para discussão

“1. Por que devemos apoiar nossos líderes?”1

“2. Por que o estilo de liderança servidora é tão difícil, exigente e, ao mesmo tempo, recompensador? Por que é tão importante para um líder cristão ser também um servo?”1

“3. Em todo o livro, Neemias aparece orando. Esdras também era homem de oração. Quantas vezes a palavra oração ou orou é mencionada nos livros de Esdras e Neemias? Temos uma intensa vida de oração?”1

“4. ‘Porque se apegou ao Senhor, não deixou de segui-Lo e guardou os mandamentos que o Senhor ordenara a Moisés’ (2Rs 18:6). Como nos apegamos ao Senhor? O que isso significa? Como esse apego se relaciona à guarda dos mandamentos divinos?”1

Sexta-feira, 27 de dezembro de 2019. Saiba mais, faça um Curso Bíblico

_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Esdras e Neemias. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 498, out. nov. dez. 2019. Adulto, Professor. 

O mal aos olhos do Senhor

Lições da Bíblia

“2. O que os seguintes textos revelam sobre esses líderes e sua influência sobre as pessoas que estavam sob seu governo?”1

1Reis (15:26, 34 ARA)2: “26 Fez o que era mau perante o Senhor e andou nos caminhos de seu pai e no pecado com que seu pai fizera pecar a Israel. […] 34 Fez o que era mau perante o Senhor e andou no caminho de Jeroboão e no seu pecado, o qual fizera Israel cometer.”

2Reis (13:1-3 ARA)2: “1 No vigésimo terceiro ano de Joás, filho de Acazias, rei de Judá, começou a reinar Jeoacaz, filho de Jeú, sobre Israel, em Samaria, e reinou dezessete anos. 2 E fez o que era mau perante o Senhor; porque andou nos pecados de Jeroboão, filho de Nebate, que fez pecar a Israel; não se apartou deles. 3 Pelo que se acendeu contra Israel a ira do Senhor, o qual os entregou nas mãos de Hazael, rei da Síria, e nas mãos de Ben-Hadade, filho de Hazael, todos aqueles dias.”

João (11:46-53 ARA)2: 46 Outros, porém, foram ter com os fariseus e lhes contaram dos feitos que Jesus realizara. 47 Então, os principais sacerdotes e os fariseus convocaram o Sinédrio; e disseram: Que estamos fazendo, uma vez que este homem opera muitos sinais? 48 Se o deixarmos assim, todos crerão nele; depois, virão os romanos e tomarão não só o nosso lugar, mas a própria nação. 49 Caifás, porém, um dentre eles, sumo sacerdote naquele ano, advertiu-os, dizendo: Vós nada sabeis, 50 nem considerais que vos convém que morra um só homem pelo povo e que não venha a perecer toda a nação. 51 Ora, ele não disse isto de si mesmo; mas, sendo sumo sacerdote naquele ano, profetizou que Jesus estava para morrer pela nação 52 e não somente pela nação, mas também para reunir em um só corpo os filhos de Deus, que andam dispersos. 53 Desde aquele dia, resolveram matá-lo.”

“A nossa liderança tem o potencial de elevar ou desanimar pessoas espiritualmente. Esse fato traz uma séria reflexão para os que ocupam posições de liderança em qualquer função. E, em todos os casos apresentados nos textos citados acima, o efeito foi devastadoramente negativo.”1

“Mais especificamente, nosso caráter e a dedicação a Cristo fazem a diferença para aqueles com quem nos relacionamos. Líderes espirituais influenciam os outros, seja em direção a Deus, se eles mesmos O buscam, ou em direção ao mal, se estão afastados Dele.”1

“Em contraste com o que vimos hoje, é inegável o fato de que Esdras e Neemias tiveram um forte relacionamento com Deus. A quantidade de jejuns e orações desses servos de Deus registrada na Bíblia excede o que há relatado nas Escrituras a respeito de outros grandes líderes. A nação estava andando com Deus sob a liderança deles, pois o rumo de sua vida se dirigia para Ele, mesmo que nem tudo fosse perfeito. Por outro lado, o fato de que alguns não tenham sido impactados ou transformados pela influência de Esdras e Neemias atesta que, em última análise, a fé de qualquer outra pessoa não faz diferença para nós, se não exercemos a nossa própria fé. Afinal, observe as pessoas que tiveram a chance de ver Jesus em carne e osso, de ouvi-Lo pregar e até mesmo de testemunhar Seus milagres ou ouvir sobre eles, e ainda assim O rejeitaram. Temos uma função a desempenhar, seja qual for a nossa situação na vida, e podemos ser uma influência para o bem ou para o mal. No fim, cada pessoa terá que responder por si mesma perante Deus.”1

“Como você pode influenciar de modo positivo as pessoas com as quais se relaciona?”1

Segunda-feira, 23 de dezembro de 2019. Saiba mais, faça um Curso Bíblico

_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Esdras e Neemias. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 498, out. nov. dez. 2019. Adulto, Professor. 
2 BÍBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

A influência dos líderes

Lições da Bíblia

“Na Bíblia encontramos exemplos bons e ruins de liderança e, às vezes, até uma mistura de ambos. Houve situações em que líderes maus fizeram coisas boas enquanto bons líderes fizeram coisas ruins. Afinal, todos os seres humanos, como tais, são capazes de fazer tanto o bem quanto o mal, o certo e o errado. Quem já não vivenciou essa realidade?”1

“É importante lembrar que um líder exerce grande influência, seja para o bem ou para o mal. Já é bastante ruim ser uma influência negativa em casa ou no local de trabalho, ou onde quer que esteja, mas quando você está em posição de liderança, seja na esfera espiritual, política ou em outras áreas, a influência é grandemente multiplicada. Portanto, em qualquer função que você esteja, e especialmente em posições de liderança, é crucial que reflita os princípios e ensinamentos das Escrituras.”1

“1. Que exemplos de liderança podemos encontrar nos textos a seguir? Por que eles foram bons ou ruins?”1

Roboão (1Reis 12:1-16 ARA)2: “1 Foi Roboão a Siquém, porque todo o Israel se reuniu lá, para o fazer rei. 2 Tendo Jeroboão, filho de Nebate, ouvido isso (pois estava ainda no Egito, para onde fugira da presença do rei Salomão, onde habitava 3 e donde o mandaram chamar), veio com toda a congregação de Israel a Roboão, e lhe falaram:Teu pai fez pesado o nosso jugo; agora, pois, alivia tu a dura servidão de teu pai e o seu pesado jugo que nos impôs, e nós te serviremos. 5 Ele lhes respondeu: Ide-vos e, após três dias, voltai a mim. E o povo se foi. 6 Tomou o rei Roboão conselho com os homens idosos que estiveram na presença de Salomão, seu pai, quando este ainda vivia, dizendo: Como aconselhais que se responda a este povo?Eles lhe disseram: Se, hoje, te tornares servo deste povo, e o servires, e, atendendo, falares boas palavras, eles se farão teus servos para sempre.Porém ele desprezou o conselho que os anciãos lhe tinham dado e tomou conselho com os jovens que haviam crescido com ele e o serviam. 9 E disse-lhes: Que aconselhais vós que respondamos a este povo que me falou, dizendo: Alivia o jugo que teu pai nos impôs? 10 E os jovens que haviam crescido com ele lhe disseram: Assim falarás a este povo que disse: Teu pai fez pesado o nosso jugo, mas tu alivia-o de sobre nós; assim lhe falarás: Meu dedo mínimo é mais grosso do que os lombos de meu pai. 11 Assim que, se meu pai vos impôs jugo pesado, eu ainda vo-lo aumentarei; meu pai vos castigou com açoites, porém eu vos castigarei com escorpiões. 12 Veio, pois, Jeroboão e todo o povo, ao terceiro dia, a Roboão, como o rei lhes ordenara, dizendo: Voltai a mim ao terceiro dia. 13 Dura resposta deu o rei ao povo, porque desprezara o conselho que os anciãos lhe haviam dado; 14 e lhe falou segundo o conselho dos jovens, dizendo: Meu pai fez pesado o vosso jugo, porém eu ainda o agravarei; meu pai vos castigou com açoites; eu, porém, vos castigarei com escorpiões. 15 O rei, pois, não deu ouvidos ao povo; porque este acontecimento vinha do Senhor, para confirmar a palavra que o Senhor tinha dito por intermédio de Aías, o silonita, a Jeroboão, filho de Nebate. 16 Vendo, pois, todo o Israel que o rei não lhe dava ouvidos, reagiu, dizendo: Que parte temos nós com Davi? Não há para nós herança no filho de Jessé! Às vossas tendas, ó Israel! Cuida, agora, da tua casa, ó Davi! Então, Israel se foi às suas tendas.

Pedro (Atos 15:7-11 ARA)2: “7 Havendo grande debate, Pedro tomou a palavra e lhes disse: Irmãos, vós sabeis que, desde há muito, Deus me escolheu dentre vós para que, por meu intermédio, ouvissem os gentios a palavra do evangelho e cressem. 8 Ora, Deus, que conhece os corações, lhes deu testemunho, concedendo o Espírito Santo a eles, como também a nós nos concedera. 9 E não estabeleceu distinção alguma entre nós e eles, purificando-lhes pela fé o coração. 10 Agora, pois, por que tentais a Deus, pondo sobre a cerviz dos discípulos um jugo que nem nossos pais puderam suportar, nem nós? 11 Mas cremos que fomos salvos pela graça do Senhor Jesus, como também aqueles o foram.

Josias (2Reis 23:1-10)2: “1 Então, deu ordem o rei, e todos os anciãos de Judá e de Jerusalém se ajuntaram a ele.O rei subiu à Casa do Senhor, e com ele todos os homens de Judá, todos os moradores de Jerusalém, os sacerdotes, os profetas e todo o povo, desde o menor até ao maior; e leu diante deles todas as palavras do Livro da Aliança que fora encontrado na Casa do Senhor. O rei se pôs em pé junto à coluna e fez aliança ante o Senhor, para o seguirem, guardarem os seus mandamentos, os seus testemunhos e os seus estatutos, de todo o coração e de toda a alma, cumprindo as palavras desta aliança, que estavam escritas naquele livro; e todo o povo anuiu a esta aliança. 4 Então, o rei ordenou ao sumo sacerdote Hilquias, e aos sacerdotes da segunda ordem, e aos guardas da porta que tirassem do templo do Senhor todos os utensílios que se tinham feito para Baal, e para o poste-ídolo, e para todo o exército dos céus, e os queimou fora de Jerusalém, nos campos de Cedrom, e levou as cinzas deles para Betel. 5 Também destituiu os sacerdotes que os reis de Judá estabeleceram para incensarem sobre os altos nas cidades de Judá e ao redor de Jerusalém, como também os que incensavam a Baal, ao sol, e à lua, e aos mais planetas, e a todo o exército dos céus. 6 Também tirou da Casa do Senhor o poste-ídolo, que levou para fora de Jerusalém até ao vale de Cedrom, no qual o queimou e o reduziu a pó, que lançou sobre as sepulturas do povo. 7 Também derribou as casas da prostituição cultual que estavam na Casa do Senhor, onde as mulheres teciam tendas para o poste-ídolo. 8 A todos os sacerdotes trouxe das cidades de Judá e profanou os altos em que os sacerdotes incensavam, desde Geba até Berseba; e derribou os altares das portas, que estavam à entrada da porta de Josué, governador da cidade, à mão esquerda daquele que entrava por ela. 9 (Mas os sacerdotes dos altos não sacrificavam sobre o altar do Senhor, em Jerusalém; porém comiam pães asmos no meio de seus irmãos.) 10 Também profanou a Tofete, que está no vale dos filhos de Hinom, para que ninguém queimasse a seu filho ou a sua filha como sacrifício a Moloque.”

Débora (Juízes 4:1-16 ARA)2: “1 Os filhos de Israel tornaram a fazer o que era mau perante o Senhor, depois de falecer Eúde. 2 Entregou-os o Senhor nas mãos de Jabim, rei de Canaã, que reinava em Hazor. Sísera era o comandante do seu exército, o qual, então, habitava em Harosete-Hagoim. 3 Clamaram os filhos de Israel ao Senhor, porquanto Jabim tinha novecentos carros de ferro e, por vinte anos, oprimia duramente os filhos de Israel. 4 Débora, profetisa, mulher de Lapidote, julgava a Israel naquele tempo. 5 Ela atendia debaixo da palmeira de Débora, entre Ramá e Betel, na região montanhosa de Efraim; e os filhos de Israel subiam a ela a juízo. 6 Mandou ela chamar a Baraque, filho de Abinoão, de Quedes de Naftali, e disse-lhe: Porventura, o Senhor, Deus de Israel, não deu ordem, dizendo: Vai, e leva gente ao monte Tabor, e toma contigo dez mil homens dos filhos de Naftali e dos filhos de Zebulom? 7 E farei ir a ti para o ribeiro Quisom a Sísera, comandante do exército de Jabim, com os seus carros e as suas tropas; e o darei nas tuas mãos.Então, lhe disse Baraque: Se fores comigo, irei; porém, se não fores comigo, não irei.Ela respondeu: Certamente, irei contigo, porém não será tua a honra da investida que empreendes; pois às mãos de uma mulher o Senhor entregará a Sísera. E saiu Débora e se foi com Baraque para Quedes. 10 Então, Baraque convocou a Zebulom e a Naftali em Quedes, e com ele subiram dez mil homens; e Débora também subiu com ele. 11 Ora, Héber, queneu, se tinha apartado dos queneus, dos filhos de Hobabe, sogro de Moisés, e havia armado as suas tendas até ao carvalho de Zaananim, que está junto a Quedes. 12 Anunciaram a Sísera que Baraque, filho de Abinoão, tinha subido ao monte Tabor. 13 Sísera convocou todos os seus carros, novecentos carros de ferro, e todo o povo que estava com ele, de Harosete-Hagoim para o ribeiro Quisom. 14 Então, disse Débora a Baraque: Dispõe-te, porque este é o dia em que o Senhor entregou a Sísera nas tuas mãos; porventura, o Senhor não saiu adiante de ti? Baraque, pois, desceu do monte Tabor, e dez mil homens, após ele. 15 E o Senhor derrotou a Sísera, e todos os seus carros, e a todo o seu exército a fio de espada, diante de Baraque; e Sísera saltou do carro e fugiu a pé. 16 Mas Baraque perseguiu os carros e os exércitos até Harosete-Hagoim; e todo o exército de Sísera caiu a fio de espada, sem escapar nem sequer um.

Acabe (1Reis 21:1-16 ARA)2: “1 Sucedeu, depois disto, o seguinte: Nabote, o jezreelita, possuía uma vinha ao lado do palácio que Acabe, rei de Samaria, tinha em Jezreel. 2 Disse Acabe a Nabote: Dá-me a tua vinha, para que me sirva de horta, pois está perto, ao lado da minha casa. Dar-te-ei por ela outra, melhor; ou, se for do teu agrado, dar-te-ei em dinheiro o que ela vale.Porém Nabote disse a Acabe: Guarde-me o Senhor de que eu dê a herança de meus pais.Então, Acabe veio desgostoso e indignado para sua casa, por causa da palavra que Nabote, o jezreelita, lhe falara, quando disse: Não te darei a herança de meus pais. E deitou-se na sua cama, voltou o rosto e não comeu pão. 5 Porém, vindo Jezabel, sua mulher, ter com ele, lhe disse: Que é isso que tens assim desgostoso o teu espírito e não comes pão? 6 Ele lhe respondeu: Porque falei a Nabote, o jezreelita, e lhe disse: Dá-me a tua vinha por dinheiro; ou, se te apraz, dar-te-ei outra em seu lugar. Porém ele disse: Não te darei a minha vinha. 7 Então, Jezabel, sua mulher, lhe disse: Governas tu, com efeito, sobre Israel? Levanta-te, come, e alegre-se o teu coração; eu te darei a vinha de Nabote, o jezreelita.Então, escreveu cartas em nome de Acabe, selou-as com o sinete dele e as enviou aos anciãos e aos nobres que havia na sua cidade e habitavam com Nabote. E escreveu nas cartas, dizendo: Apregoai um jejum e trazei Nabote para a frente do povo. 10 Fazei sentar defronte dele dois homens malignos, que testemunhem contra ele, dizendo: Blasfemaste contra Deus e contra o rei. Depois, levai-o para fora e apedrejai-o, para que morra. 11 Os homens da sua cidade, os anciãos e os nobres que nela habitavam fizeram como Jezabel lhes ordenara, segundo estava escrito nas cartas que lhes havia mandado. 12 Apregoaram um jejum e trouxeram Nabote para a frente do povo. 13 Então, vieram dois homens malignos, sentaram-se defronte dele e testemunharam contra ele, contra Nabote, perante o povo, dizendo: Nabote blasfemou contra Deus e contra o rei. E o levaram para fora da cidade e o apedrejaram, e morreu. 14 Então, mandaram dizer a Jezabel: Nabote foi apedrejado e morreu. 15 Tendo Jezabel ouvido que Nabote fora apedrejado e morrera, disse a Acabe: Levanta-te e toma posse da vinha que Nabote, o jezreelita, recusou dar-te por dinheiro; pois Nabote já não vive, mas é morto. 16 Tendo Acabe ouvido que Nabote era morto, levantou-se para descer para a vinha de Nabote, o jezreelita, para tomar posse dela. 17 Então, veio a palavra do Senhor a Elias, o tesbita, dizendo: 18 Dispõe-te, desce para encontrar-te com Acabe, rei de Israel, que habita em Samaria; eis que está na vinha de Nabote, aonde desceu para tomar posse dela. 19 Falar-lhe-ás, dizendo: Assim diz o Senhor: Mataste e, ainda por cima, tomaste a herança? Dir-lhe-ás mais: Assim diz o Senhor: No lugar em que os cães lamberam o sangue de Nabote, cães lamberão o teu sangue, o teu mesmo. 20 Perguntou Acabe a Elias: Já me achaste, inimigo meu? Respondeu ele: Achei-te, porquanto já te vendeste para fazeres o que é mau perante o Senhor. 21 Eis que trarei o mal sobre ti, arrancarei a tua posteridade e exterminarei de Acabe a todo do sexo masculino, quer escravo quer livre, em Israel.”

“Quais lições nos ensinam essas histórias sobre o que torna uma liderança boa ou ruim? Como podemos aplicar o que aprendemos às funções que desempenhamos?”1

Movimento de oração e resgate: Deus chama cada igreja para um desafio em 2020: batizar no mínimo 1 ex-adventista no sábado dia 15/2, no programa especial do Reencontro. Você aceita essa missão?

Domingo, 22 de dezembro de 2019. Saiba mais, faça um Curso Bíblico

_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Esdras e Neemias. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 498, out. nov. dez. 2019. Adulto, Professor. 
2 BÍBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Líderes em Israel

Lições da Bíblia

“Então, todo o povo se foi a comer, a beber, a enviar porções e a regozijar-se grandemente, porque tinham entendido as palavras que lhes foram explicadas” (Ne 8:12).

“Esdras e Neemias são exemplos de grandes líderes, dedicados a Deus e ao cumprimento das tarefas que o Senhor os chamou a realizar. Inspirados por seu amor a Ele, desejaram atuar como servos fiéis. A fidelidade deles tem ocupado uma parte central em nosso estudo.”1

“Nesta semana, examinaremos exemplos de liderança, incluindo Esdras e Neemias. As lições extraídas não são exaustivas, pois muitas outras poderiam ser discutidas. No entanto, a partir do texto bíblico estudaremos conceitos fundamentais para os líderes. Você pode não se considerar um líder, mas, lembrando que todos exercemos influência sobre outras pessoas, as lições são aplicáveis a nós também.”1

“A Palavra de Deus é central na história desses líderes. Ela transformou o pensamento e a vida e resultou em todo o programa de reavivamento e reforma. Eles eram gratos à Palavra de Deus e à instrução encontrada nela. Da mesma forma, não importa quem somos e qual seja a nossa função, como cristãos adventistas do sétimo dia devemos manter as Escrituras no centro da nossa vida.”1

Sábado, 21 de dezembro de 2019. Saiba mais, faça um Curso Bíblico

_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Esdras e Neemias. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 498, out. nov. dez. 2019. Adulto, Professor. 

Esdras age

Lições da Bíblia

“5. Leia Esdras 10. Como os líderes lidaram com o problema do casamento misto? Assinale ‘V’ para verdadeiro ou ‘F’ para falso:”1

Esdras (10 ARA)2: “1 Enquanto Esdras orava e fazia confissão, chorando prostrado diante da Casa de Deus, ajuntou-se a ele de Israel mui grande congregação de homens, de mulheres e de crianças; pois o povo chorava com grande choro. 2 Então, Secanias, filho de Jeiel, um dos filhos de Elão, tomou a palavra e disse a Esdras: Nós temos transgredido contra o nosso Deus, casando com mulheres estrangeiras, dos povos de outras terras, mas, no tocante a isto, ainda há esperança para Israel. Agora, pois, façamos aliança com o nosso Deus, de que despediremos todas as mulheres e os seus filhos, segundo o conselho do Senhor e o dos que tremem ao mandado do nosso Deus; e faça-se segundo a Lei. 4 Levanta-te, pois esta coisa é de tua incumbência, e nós seremos contigo; sê forte e age. 5 Então, Esdras se levantou e ajuramentou os principais sacerdotes, os levitas e todo o Israel, de que fariam segundo esta palavra. E eles juraram. 6 Esdras se retirou de diante da Casa de Deus, e entrou na câmara de Joanã, filho de Eliasibe, e lá não comeu pão, nem bebeu água, porque pranteava por causa da transgressão dos que tinham voltado do exílio. 7 Fez-se passar pregão por Judá e Jerusalém a todos os que vieram do exílio, que deviam ajuntar-se em Jerusalém; 8 e que, se alguém, em três dias, não viesse, segundo o conselho dos príncipes e dos anciãos, todos os seus bens seriam totalmente destruídos, e ele mesmo separado da congregação dos que voltaram do exílio. 9 Então, todos os homens de Judá e Benjamim, em três dias, se ajuntaram em Jerusalém; no dia vinte do mês nono, todo o povo se assentou na praça da Casa de Deus, tremendo por causa desta coisa e por causa das grandes chuvas. 10 Então, se levantou Esdras, o sacerdote, e lhes disse: Vós transgredistes casando-vos com mulheres estrangeiras, aumentando a culpa de Israel. 11 Agora, pois, fazei confissão ao Senhor, Deus de vossos pais, e fazei o que é do seu agrado; separai-vos dos povos de outras terras e das mulheres estrangeiras. 12 Respondeu toda a congregação e disse em altas vozes: Assim seja; segundo as tuas palavras, assim nos convém fazer. 13 Porém o povo é muito, e, sendo tempo de grandes chuvas, não podemos estar aqui de fora; e não é isto obra de um dia ou dois, pois somos muitos os que transgredimos nesta coisa. 14 Ora, que os nossos príncipes decidam por toda a congregação, e que venham a eles em tempos determinados todos os que em nossas cidades casaram com mulheres estrangeiras, e com estes os anciãos de cada cidade, e os seus juízes, até que desviemos de nós o brasume da ira do nosso Deus, por esta coisa. 15 No entanto, Jônatas, filho de Asael, e Jazeías, filho de Ticvá, se opuseram a esta coisa; e Mesulão e Sabetai, levita, os apoiaram. 16 Assim o fizeram os que voltaram do exílio; então, Esdras, o sacerdote, elegeu nominalmente os homens cabeças de famílias, segundo a casa de seus pais, que se assentaram no dia primeiro do décimo mês, para inquirir nesta coisa; 17 e o concluíram no dia primeiro do primeiro mês, a respeito de todos os homens que casaram com mulheres estrangeiras. 18 Acharam-se dentre os filhos dos sacerdotes estes, que casaram com mulheres estrangeiras: dos filhos de Jesua, filho de Jozadaque, e de seus irmãos: Maaseias, Eliézer, Jaribe e Gedalias. 19 Com um aperto de mão, prometeram despedir suas mulheres e, por serem culpados, ofereceram um carneiro do rebanho pela sua culpa. 20 Dos filhos de Imer: Hanani e Zebadias. 21 Dos filhos de Harim: Maaseias, Elias, Semaías, Jeiel e Uzias. 22 Dos filhos de Pasur: Elioenai, Maaseias, Ismael, Natanael, Jozabade e Elasa. 23 Dos levitas: Jozabade e Simei, Quelaías (este é Quelita), Petaías, Judá e Eliézer. 24 Dos cantores: Eliasibe; dos porteiros: Salum, Telém e Uri. 25 E de Israel: dos filhos de Parós: Ramias, Jezias, Malquias, Miamim, Eleazar, Malquias e Benaia. 26 Dos filhos de Elão: Matanias, Zacarias, Jeiel, Abdi, Jerimote e Elias. 27 Dos filhos de Zatu: Elioenai, Eliasibe, Matanias, Jerimote, Zabade e Aziza. 28 Dos filhos de Bebai: Joanã, Hananias, Zabai e Atlai. 29 Dos filhos de Bani: Mesulão, Maluque, Adaías, Jasube, Seal e Jerimote. 30 Dos filhos de Paate-Moabe: Adna, Quelal, Benaia, Maaseias, Matanias, Bezalel, Binui e Manassés. 31 Dos filhos de Harim: Eliézer, Issias, Malquias, Semaías, Simeão, 32 Benjamim, Maluque e Semarias. 33 Dos filhos de Hasum: Matenai, Matatá, Zabade, Elifelete, Jeremai, Manassés e Simei. 34 Dos filhos de Bani: Maadai, Anrão, Uel, 35 Benaia, Bedias, Queluí, 36 Vanias, Meremote, Eliasibe, 37 Matanias, Matenai, Jaasai, 38 Bani, Binui, Simei, 39 Selemias, Natã, Adaías, 40 Macnadbai, Sasai, Sarai, 41 Azarel, Selemias, Semarias, 42 Salum, Amarias e José. 43 Dos filhos de Nebo: Jeiel, Matitias, Zabade, Zebina, Jadai, Joel e Benaia. 44 Todos estes haviam tomado mulheres estrangeiras, alguns dos quais tinham filhos destas mulheres.

A. (   ) Mandaram suas esposas e filhos embora.
B. (   ) Forçaram as esposas e os filhos a se converterem a Deus.

Resposta sugestiva: V; F.

“A assembleia decidiu mandar embora as esposas estrangeiras. Surpreendentemente, mesmo os que se encontravam nessa situação concordaram com o plano, exceto quatro homens (Ed 10:15). Os judeus prometeram mandar embora os cônjuges. Passaram-se três meses para que tudo fosse cumprido. No fim, 113 judeus dispensaram as esposas (Ed 10:18-43). O último verso (Ed 10:44) afirma que alguns desses casamentos mistos já haviam gerado filhos. Mandar embora mães que tinham filhos não parece racional nem correto. No entanto, devemos lembrar que esse foi um momento único, no qual Deus estava recomeçando Sua história com a nação judaica e, em certo sentido, eles estavam firmando um pacto com Ele. Seguir totalmente a Deus exige medidas radicais.”1

“As palavras usadas em Esdras 10:11, 19 para ‘separar’ (badal) e ‘despedir’ (yatza) não são usadas em nenhuma outra parte das Escrituras para a questão do divórcio. Esdras conhecia a terminologia usada regularmente para o divórcio, mas ele optou por não usá-la. Por isso, é evidente que o escriba não considerou aqueles casamentos válidos depois que descobriu que eles transgrediam o mandamento da Torá. Em outras palavras, os casamentos foram anulados porque eram contrários à Lei divina e, portanto, inválidos. No entanto, não recebemos informações sobre o que aconteceu com as esposas e os filhos e o impacto dessa ação sobre a comunidade. De acordo com o costume da época, os ex-maridos teriam cuidado da transferência de suas ex-esposas e de seus filhos. As esposas normalmente teriam voltado para a casa de seus pais.”1

“Com o tempo, entretanto, alguns judeus começaram a se casar com mulheres incrédulas, e talvez alguns tenham buscado as esposas que tinham ido embora. A natureza passageira da solução pode ser atribuída à natureza humana e ao ciclo de altos e baixos do compromisso com Deus. Mesmo os que se consideram cristãos fortes têm de admitir que passam por períodos de menor dedicação a Deus quando sua caminhada com Ele é deficiente. Infelizmente, muitas vezes enfrentamos dificuldade em colocar Deus no primeiro lugar da nossa vida.”1

“Você já teve períodos de menor dedicação a Deus? O que aprendeu com essas experiências?”1

Quarta-feira, 18 de dezembro de 2019. Saiba mais, faça um Curso Bíblico

_______________
1 LIÇÃO da Escola Sabatina. Esdras e Neemias. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 498, out. nov. dez. 2019. Adulto, Professor. 
2 BÍBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.