De Adão a Moisés

Lições da Bíblia

 “6. Leia Romanos 5:13, 14. O que Paulo ensinou sobre a lei nessa passagem?”1

Romanos (5:13, 14 ARA)2: “13 Porque até ao regime da lei havia pecado no mundo, mas o pecado não é levado em conta quando não há lei. 14 Entretanto, reinou a morte desde Adão até Moisés, mesmo sobre aqueles que não pecaram à semelhança da transgressão de Adão, o qual prefigurava aquele que havia de vir.1

“Sobre o que Paulo estava falando nesse texto? A expressão ‘até o regime da lei’ é paralela à declaração ‘de Adão a Moisés’. Ele estava falando sobre o período desde a criação até o Sinai, antes da introdução formal das regras e leis do sistema israelita, que incluíam, obviamente, os Dez Mandamentos.”1

“‘Até o regime da lei’ significa até que as exigências de Deus fossem detalhadas nas diversas leis dadas a Israel no Sinai. O pecado já existia antes do Sinai. Como não poderia existir? Por acaso a mentira, o assassinato, o adultério e a idolatria não eram pecados antes? Claro que sim!”2

“De fato, antes do Sinai, os seres humanos, em geral, tinham apenas uma revelação limitada de Deus. Porém, eles obviamente conheciam o suficiente para serem responsabilizados. Deus é justo e não vai punir ninguém injustamente. As pessoas que viveram no mundo antes do Sinai morreram, como Paulo apontou nessa passagem. A morte passou a todos. Embora não tivessem pecado contra um mandamento expressamente revelado, ainda assim eles haviam pecado. Eles tinham as revelações de Deus na natureza, às quais não responderam e, portanto, foram considerados culpados. ‘Os atributos invisíveis de Deus […] claramente se reconhecem, desde o princípio do mundo […]. Tais homens são, por isso, indesculpáveis’ (Rm 1:20).”1

“7. De acordo com Romanos 5:20, 21, para qual propósito Deus Se revelou mais plenamente na ‘lei’? Assinale a alternativa correta:”1

Romanos (5:20, 21 ARA)2: “20 Sobreveio a lei para que avultasse a ofensa; mas onde abundou o pecado, superabundou a graça, 21 a fim de que, como o pecado reinou pela morte, assim também reinasse a graça pela justiça para a vida eterna, mediante Jesus Cristo, nosso Senhor.

A.( ) Para que o povo entendesse a lei como meio de salvação.
B.( ) Para que a transgressão fosse ressaltada.

Resposta sugestiva: Alternativa B.

“A instrução dada no Sinai incluía a lei moral, embora esta tivesse existido antes disso. No entanto, essa foi a primeira vez, de acordo com a Bíblia, que essa lei foi escrita e amplamente proclamada.”1

“Quando os israelitas começaram a se comparar com as exigências divinas, descobriram que estavam muito aquém desse ideal. Em outras palavras, ‘a ofensa’ abundou. De repente, eles perceberam a extensão de suas transgressões. O propósito de tal revelação era ajudá-los a ver sua necessidade de um Salvador e levá-los a aceitar a graça oferecida por Deus gratuitamente. Como foi enfatizado anteriormente, a verdadeira versão de fé do Antigo Testamento não era legalista.”1

“Como as leis do seu país revelam uma concepção humana do certo e errado? Se as leis da sociedade fazem isso, o que dizer da eterna lei de Deus?”1

Quarta-feira 08 de novembro de 2017. Saiba mais, ouça o Comentário em áudio  da Lição da Escola Sabatina (LES) ou se preferir faça um Curso Bíblico.
_______________
1 LIÇÃO da escola sabatina. Salvação somente pela fé: o livro de Romanos. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, n. 490, Out. Nov. Dez. 2017. Adulto, Professor.
2 BIBLIA. Português. Bíblia sagrada. Tradução João Ferreira de Almeida. Revista e atualizada no Brasil. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s